Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Elenco de “Aquarius” leva política brasileira para o tapete vermelho de Cannes

Atores protestaram conta o impeachment de Dilma Rousseff.

Por Melissa Vaz Atualizado em 21 jan 2020, 10h03 - Publicado em 17 Maio 2016, 09h19

O elenco de Aquarius, filme brasileiro que concorre à Palma de Ouro no Festival de Cannes, levou a política nacional para o tapete vermelho. No evento que aconteceu nesta terça-feira (17), integrantes da produção exibiram cartazes com frases em inglês e francês em protesto conta o impeachment de Dilma Rousseff

“O mundo não pode aceitar este governo ilegítimo”, “Um golpe está acontecendo no Brasil”, “54.501.118 de votos foram queimados”, “Misóginos, racistas e impostores como ministros” e “Dilma, vamos resistir com você” foram alguns dos dizeres mostrados pelo diretor Kléber Mendonça Filho, pelos atores Sonia Bragra, Humberto Carrão e Maeve Jinkings e outros.

No topo da escadaria que leva ao Palácio dos Festivais, o diretor do festival, Thierry Fremaux, pediu para que a equipe do evento filmasse o elenco segurando os cartazes. Play no vídeo para conferir o momento do protesto:

 

 

Aquarius conta a história de uma jornalista aposentada, interpretada por Sonia Braga, que recebe seguidas investidas de construtoras, que desejam colocar o edifício em que mora abaixo para construir um novo empreendimento.

Continua após a publicidade
Publicidade