Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Receitas para atrair sorte e prosperidade em 2017

Diferentes culturas trazem significados para as comidas, mas é sempre bom manter aquela folhinha de louro na carteira, não é?

Por Gabriela Kimura Atualizado em 20 jan 2020, 23h52 - Publicado em 26 dez 2016, 10h53

Em algum momento da sua vida, alguém já comentou que você deveria comer as lentilhas no fim de ano; que precisava comer as sete uvas atrás da porta ou as sementes de romã.

E aí, você já se perguntou o motivo dessas crenças? Conheça algumas delas:

Sementes de romã

Dizem que tem relação com a fertilidade, então, é indicado para quem quer engravidar no ano novo. Além disso, todas as frutas que nascem em cachos ou são cheias de sementes são símbolos de fartura. No dia de Reis, há quem diga que é bom comer algumas sementinhas e guardar outras na carteira para atrair riqueza no próximo ano.

Uvas

Tanto a tradição de comer as sete uvas atrás da porta, com um pedido para cada, como a de comer 12 meia-noite, a cada batida do relógio, valem para ter sorte em 2017.

Peixes

Além de não comer animais que ciscam para trás, as pessoas acabam escolhendo os peixes, pois têm simbolismos de bons princípios. Representam também a prosperidade em todos os aspectos da vida: fertilidade, purificação (por meio da água) e nunca andam sozinhos.

Lentilha

Por ser ~parecida~ com moedas, a lentilha é um símbolo de abundância para o próximo ano. Na verdade, todos os grãos – arroz, feijão e trigo por exemplo – são representações de abundância.

Continua após a publicidade

Carne de porco

Apesar de ser interpretada de diferentes maneiras em cada religião, é uma opção interessante para a ceia de Ano Novo. O animal é sempre colocado no centro, pois simbolizam o progresso. Ah, o tamanho também representa a abundância.

Castanhas e frutas secas

Assim como os grãos, as nozes estão ligadas com o “bom princípio” de ano novo, pois eram fáceis de armazenar durante os períodos mais rigorosos, bem como as frutas secas. No ano novo judaico, o Rosh Hashaná, come-se maçãs embebidas em mel, simbolizando a doçura que esperam do próximo ano.

Cordeiro

Considerado o único animal puro o suficiente para ser consumido em feriados católicos.

Louro

É o símbolo do sucesso e da vitória, por isso guarda-se algumas folhas na carteira – para pedir fartura no ano que se inicia.

Champanhe (ou espumante)

E por que brindamos com a bebida das bolhinhas? O estouro da rolha e o líquido que flui livremente representam a alegria e abundância, por isso era a bebida da realeza europeia desde o século XV.

Confira algumas sugestões de receitas para incrementar a sua ceia:

Continua após a publicidade
Publicidade