CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS
Natália Dornellas Conversa de Vó Natália Dornellas é jornalista, podcaster e ativista da longevidade. Procura por avós e avôs para prosear e histórias de #avosidade para contar. É criadora do podcast Conversa de Vó e cofundadora da plataforma 40+ AsPerennials

Esta vovó ganhou o mundo viajando dos 83 aos 91 anos

Conheça Elena Erkhova, uma nonagenária que carimbou bastante o passaporte antes de partir desta vida,  aos 91 anos.

Por Natália Dornellas Atualizado em 26 fev 2021, 15h54 - Publicado em 26 fev 2021, 16h00

Saudades de viajar, né, minha filha? Talvez tenha sido a lembrança daqueles tempos bons em que a gente podia pegar um avião e sair pelo mundo que trouxeram de volta à mídia internacional a história de Elena Erkhova, uma nonagenária que carimbou bastante o passaporte antes de partir desta vida,  aos 91 anos.

Baba Lena
Baba Lena na Tailândia arquivo pessoal/Divulgação

Nascida em Krasnoyarsk, na Sibéria, Baba Lena (vovó Lena) passou boa parte da vida adulta sob o regime soviético e teve pouquíssimas chances de deixar sua terra natal. Nos anos 1940, auge de sua juventude, ela visitou cidades da União Soviética e países que permitiam a entrada de cidadãos de seu país, como a Polônia e Alemanha Oriental, mas, em seguida, veio o aperto financeiro e ela deixou o espírito explorador em stand by até retomá-lo aos 83 anos.

Baba Lena
Babá Lena: muitas viagens pelo mundo na terceira idade arquivo pessoal/Divulgação

Segundo o site Bored Panda, o clique veio quando uns amigos a questionaram porque não viajava mais se naquele momento tinha dinheiro, tranquilidade e liberdade (sim, a velhice tem seus bônus). Foi assim que ela ganhou o mundo até que numa viagem ao Vietnã encontrou com a turista russa Ekaterina Papina, que, encantada com sua independência, a fez viralizar nas redes e ganhar fama – seu perfil no Facebook segue recebendo mensagem, embora não traga mais novos posts. Veja no vídeo:

Continua após a publicidade

Apesar do apelo dos fãs brasileiros, Lena não conseguiu vir ao nosso país. Ela morreu no fim de 2019, por conta de um câncer no pulmão. Parece que sabia que a COVID vinha chegando e resolveu pegar o primeiro avião.

Baba Lena
Passaporte carimbadíssimo antes de fazer sua última viagem divulgação/Arquivo pessoal

 *Para ver mais histórias com esta e acompanhar minha “curadoria de avós e avós”, acesse  nataliadornellas.com.br ou @nataliadornellas, no Instagram. Ah, e se conhecer personagens que mereçam ter suas contadas, me deixe saber, por favor. 

 

Continua após a publicidade

Publicidade