CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR R$ 14,90/MÊS

Eu odeio meu chefe

Decifre os sinais que indicam a sua demissão e veja como evitar que isso aconteça

Por Redação M de Mulher Atualizado em 21 jan 2020, 12h32 - Publicado em 28 out 2008, 21h00

Seja mais tolerante e evite atritos
Foto: Dreamstime

Você odeia seu chefe, não consegue expressar suas idéias nem se encaixar no perfil do cargo? Tudo isso pode ser indício de que você será demitida. 

Atualmente, as empresas exigem que o funcionário, além de estar capacitado para o cargo que exerce, tenha uma boa relação com os colegas.

Para completar, de acordo com Thomas Case, fundador do Grupo Catho, especializado em recolocação de pessoal, um dos principais motivos para a dispensa é a falta de resultados no trabalho. “O melhor caminho para evitar a demissão é manter uma atualização contínua.” Confira algumas posturas que costumam levar à demissão e como você pode evitá-las.

Não se arriscar
Muitas vezes, a pessoa tem boa vontade, faz o serviço direito, mas não quer dar um passo além e encarar novos desafios. Pode ser flexível, mas teme arriscar a carreira. E um risco, mesmo pequeno, é uma ótima alavanca para subir. Então, quando pintar a oportunidade, agarre-a. Isso pode render uma boa promoção.

Continua após a publicidade

Odiar chefe e colegas
Atritos podem ser evitados se você for mais tolerante. Respeite o outro para poder exigir que ele faça o mesmo com você. Lembre-se: o trabalho em equipe está em alta. Mas, se não suporta o novo chefe, é melhor pedir uma transferência ou trocar mesmo de emprego.

Estar desatualizada
Cultive o hábito de ler. Hoje, as pessoas têm acesso fácil a uma enxurrada de dados. Se você não sabe em que precisa se atualizar, observe os requisitos exigidos para seu cargo nos anúncios de emprego e compare com seu currículo. Precisa aprender inglês? Então, vá fundo!

Faltar muito
Por mais que você tenha razões para as faltas e os atrasos, em excesso eles não pegam bem. Se o motivo for um curso de especialização ou alguma necessidade particular, como um tratamento médico inadiável, negocie com seu chefe um horário flexível de trabalho.

Não saber se expressar
Você pode ser tímida, mas precisa encontrar uma maneira de interagir com seus colegas e superiores. Para que seus talentos sejam reconhecidos, é essencial expor suas opiniões e mostrar que tem uma visão crítica das coisas. Ninguém vai saber que você é uma profissional nota dez se não demonstrar isso.

Não fazer seu trabalho
Identifique suas falhas e corrija-as. Se precisa mexer com um programa de computador e não tem a mínima idéia de como ele funciona, faça um curso para aprender. Mesmo que a empresa em que você trabalha não patrocine o seu estudo, não dá para ficar para trás, certo?

Não atender ao perfil
Basta observar se o local onde você trabalha é mais formal ou informal e se adaptar aos interesses da empresa e do cargo. Na prática, seja curiosa e participante. Nada impede que você converse abertamente com seu chefe para saber o que ele espera do seu trabalho. Depois

Continua após a publicidade
Publicidade