CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR R$ 14,90/MÊS

Cabelo longo a jato

Testamos uma das técnicas mais comuns de alongamento das famosas da TV. E aprovamos!

Por Redação M de Mulher Atualizado em 21 jan 2020, 12h31 - Publicado em 28 out 2008, 21h00

A principal vantagem ao utilizar técnicas 
de alongamento é dar mais volume aos
cabelos
Foto: Dreamstime

Cansada do cabelo curtinho? Mude o visual. Hoje, várias técnicas de alongamento estão à disposição, para fazer o cabelo crescer em até quatro horas. A atriz Deborah Secco que o diga. Já até usou corte chanel, porém, teve que recorrer ao megahair quando uma de suas personagens globais precisou dos fios mais longos.

Outra vantagem do alongamento é dar mais volume. “Ele é ótimo para cabelo ralo ou para suavizar defeitos, como quando um corte dá errado”, diz o cabeleireiro paulista Julinho do Carmo. Os preços são altos, mas há alguns mais baratos, como a técnica do nó jamaicano.

Continua após a publicidade

Recomendações após o aplique

· Lave os fios com xampu e condicionador que combinem com o cabelo.
· Hidrate os fios toda semana. Opte por máscaras que possam ser aplicadas embaixo do chuveiro mesmo.
· Como a raiz do cabelo cresce, é preciso retornar ao cabeleireiro a cada dois meses para fazer a manutenção. O profissional retira e reaplica o alongamento. O preço dessa manutenção custa em torno de R$ 150. Pechinche!

Continua após a publicidade

6 técnicas mais usadas

· Nó jamaicano: costura-se uma faixa de mechas de cabelo natural, alternada com outra, do cabelo da cliente. É preciso ter, no mínimo, 1,5 cm de raiz. Aplicação: de 30 min a 1 hora. Preço: a partir de R$ 300. Dura: três meses.

· Cola de queratina: o cabeleireiro prepara as mechas com cola de queratina nas pontas, usando um aparelho parecido com uma pinça. Ele aquece e une a queratina da mecha com a do cabelo. Aplicação: 2h. Preço: a partir de R$ 600. Dura: de quatro a seis meses.

· Great lengths: as mechas de cabelo natural são aplicadas uma a uma, a uma distância de 1,5 cm da raiz (usa-se cola à base de proteínas e queratina). Aplicação: entre 2,5 a 3 h. Preço: de R$ 2.500 a R$ 4 mil. Dura: até seis meses

· LaserBeamer: um aparelho a laser em forma de pistola aquece, derrete e funde a queratina sintética da pontinha de cada mecha com a queratina natural do cabelo. Aplicação: 28 min. Preço: de R$ 1.500 a R$ 4 mil. Dura: seis meses.

· Nó Italiano: as mechas são trançadas, dobradas na raiz e amarradas com linhas de látex. Aplicação: 2 h. Preço: a partir de R$ 1 mil. Dura: de quatro a cinco meses.

· Trança e elastex: para cabelo crespo e afro. As mechas são presas com um nó e um elástico fino. Aplicação: de 8 a 12 h. Preço: a partir de R$ 1.500. Dura: quatro meses.

Continua após a publicidade
Publicidade