Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Conversa de Vó Natália Dornellas é jornalista, podcaster e ativista da longevidade. Procura por avós e avôs para prosear e histórias de #avosidade para contar. É criadora do podcast Conversa de Vó e cofundadora da plataforma 40+ AsPerennials

Dona Zilda e o filho tinham tudo para se lamentar, mas escolheram a vida

A dupla ganhou a mídia porque fez mais do que uma limonada com os limões que a vida lhes deu

Por Natália Dornellas Atualizado em 18 mar 2021, 11h12 - Publicado em 17 mar 2021, 18h00

A personagem de hoje não é avó e nem tem mais de 80 anos – recorte etário que criei para o Conversa de Vó -, mas merece ser uma exceção, viralizar e ser ainda mais conhecida do que já é.
Dona Zilda, Zildinha para os mais chegados, e seu filho Matheus Almeida (@matheus.allmeida) podem não ser estranhos para muita gente e não são mesmo.  A dupla ganhou a mídia, em 2018, porque fez mais do que uma limonada com os limões que a vida lhes deu: eles fizeram um “penne al limone” de comer ajoelhado.

Um pouco de história

Em 2010, Dona Zilda, que hoje tem 65 anos, foi diagnosticada com câncer e, como se isso não fosse terrível, sofreu um atropelamento, que agravou sua situação, e um AVC isquêmico, perdendo os movimentos do lado esquerdo.
Eles tinham todos os motivos do mundo para se lamentar, mas optaram pela vida. Gente de fé, ambos são devotos de Nossa Senhora Aparecida, eles batalharam e construíram uma história de parceria e cuidado que devia virar no mínimo um livro.

Em vez de se trancarem em casa, eles resolveram curtir a vida e viajar, afinal, como disse o próprio Matheus, “não existe limitação onde existe fé”. Apesar de todas as dificuldades, os dois fizeram as malas e embarcaram para a primeira viagem juntos, em 2016, e só pararam quando a pandemia chegou, no ano passado.

Matheus e Dona Zilda
Eles faziam corridas de 5 km, ele a pé e ela num triciclo foto/Arquivo pessoal
Quando podiam circular livremente por aí, Matheus e dona Zildinha faziam corridas de 5 km, ele a pé e ela num triciclo, que lhe permite sentir o vento no rosto, um dos seus maiores prazeres.

Uma das últimas conquistas da dupla foi chegar aos 50 kg. Sim, enquanto muita gente comemora seguidores, eles celebram o aumento de peso, pois ela chegou a pesar 27 kg. Para eles, coisas que são pequenas para a maioria das pessoas podem virar grandes e saborosas vitórias.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade