3 formatos modernos de casamento

Mini, destination e elopement wedding – entenda os tipos de comemoração que estão em alta no momento

Demorei mais de 500 dias para organizar meu casamento e agora já se passou quase um ano desde a nossa festa, mas continuo aprendendo sobre esse mercado encantador! O universo das noivas é cheio de surpresas e encontros felizes. Há algumas semanas, conheci Marina Novaes, a primeira blogueira baiana de casamentos, e adorei trocar ideias de fora do circuito Rio-São Paulo. Durante nossas conversas, fiquei sabendo sobre recursos inovadores que podem facilitar (e muito!) a vida de quem está planejando um evento especial.

@blogmarinanovaes / Foto @jeffportostudio / Beleza @eduhyde / Assessoria @tiagodonaton

@blogmarinanovaes / Foto @jeffportostudio / Beleza @eduhyde / Assessoria @tiagodonaton (Jeff Porto/Divulgação)

Marina me contou que foi pioneira em gerenciar grupos de noivas pelo WhatsApp, onde se conecta com 300 mulheres simultaneamente! “As noivas entram, tiram suas dúvidas comigo, pegam dicas sobre tendências e inspirações, compartilham como está sendo esse processo de organização, quais suas dificuldades e necessidades. No decorrer desse processo, eu acabo influenciando principalmente na escolha do fornecedor”. Não é o máximo ter a ajuda de uma especialista na palma da mão? Amei a iniciativa!

Também falamos muito sobre os estilos modernos de casamento e identificamos aqui os três formatos que estão em alta no momento. Entenda cada um deles e escolha o seu preferido!

Mini Wedding
Você já deve ter ouvido falar em mini wedding porque esse tipo de casamento já conquistou muitas adeptas por aqui. O mini wedding trata-se de um evento intimista, para até 100 pessoas. Com o número reduzido de convidados, os noivos tem uma flexibilidade maior em relação ao orçamento. Mas, fique atenta! Não necessariamente o mini wedding sai mais barato do que um casamento convencional. Tudo depende do nível de serviço que o casal procura. Afinal, esse tipo de evento requer tanto planejamento quanto e os mesmos fornecedores que uma festa maior. Se a ideia for reunir ainda menos pessoas, o ideal pode ser um micro wedding (para até 40 convidados).

Mini wedding no @tiellaeventos, com decor @ninavintagedecor / Foto @rodrigocyprianofotografia

Mini wedding no @tiellaeventos, com decor @ninavintagedecor / Foto @rodrigocyprianofotografia (Rodrigo Cypriano/Divulgação)

Destination Wedding
Se o casamento já é um momento de grande emoção, imagine se for unido à viagem dos sonhos! O destination wedding ocorre fora da cidade dos noivos e requer o deslocamento dos convidados para o destino escolhido. Segundo Marina, que se tornou expert em cerimônias fora do país, “dos cerca de 1 milhão de matrimônios entre brasileiros realizados anualmente (com gastos que chegam a 18 bilhões de Reais/ano), em 2018, 3% foram realizados no exterior. A expectativa, para os próximos cinco anos, é que 10% realizem o sonho do matrimônio em outros países, tendo como alguns dos principais destinos Itália, Portugal e México”. Casar no exterior, muitas vezes, acaba saindo mais em conta do que uma festa grande por aqui. A chave para este tipo de evento é tempo! Os convidados precisam de um ano, em média, para se organizarem com férias e passagens (manda logo o Save the Date, noivinha!!). Se uma viagem longa não é a vontade dos noivos, também é possível escolher um destino nacional para o casamento. As praias do Nordeste, como Trancoso e Jericoacoara, são as apostas do momento!

Igrejinha do Quadrado, em Trancoso / Foto @rodolfosantosfotografo

Igrejinha do Quadrado, em Trancoso / Foto @rodolfosantosfotografo (Rodolfo Santos/Divulgação)

Elopement Wedding
A novidade mais quente está no formato que consiste em cerimônias sem convidados. Elope, em inglês, significa fugir secretamente para se casar, e a moda acabou atraindo muitos casais porque, além da aventura em si, pode resultar em uma baita economia. Segundo as pesquisas de Marina acerca do segmento, “casais modernos têm investido na ideia e, a partir da crise econômica de 2008, o Elopement Wedding ganhou força, uma vez que é possível economizar até 50% do orçamento total investindo nesse modelo”. Os noivos tem tranquilidade total para curtirem a presença um do outro em uma cerimônia simbólica. É indicado registrar o momento com um excelente fotógrafo e até vídeo para, depois, compartilharem com os mais chegados. Nesse caso, privacidade é tudo!

Elopement wedding na @vilarelicario / Foto @paulapecanhafotografia

Elopement wedding na @vilarelicario / Foto @paulapecanhafotografia (Paula Peçanha/Divulgação)