Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Isabella Marinelli Por Beleza Descomplicada A editora de beleza compartilha suas melhores descobertas, dicas e experiências.

Depois de muita especulação, Fenty Beauty chega ao Brasil

Cerca de 90% dos produtos da marca capitaneada por Rihanna vêm para o país. Nós testamos em primeira mão

Por Isabella Marinelli Atualizado em 14 ago 2020, 12h47 - Publicado em 14 ago 2020, 12h00

Quando Rihanna desembarcou no mercado de beleza em 2017, ela sinalizou que não era só o seu nome que faria da Fenty Beauty uma referência no meio. O rótulo chegou às prateleiras com uma gama de tons de base que simplesmente não existia. Eram cerca de 40 nuances, do claríssimo ou retinto, mas sobretudo com variação de subtons para que não criasse qualquer efeito alaranjado ou acinzentado em rostos e corpos negros. À época, a atriz Viola Davis chegou a agradecer publicamente à fundadora, dizendo que sentia finalmente que algo havia sido feito para ela.

Fenty Beauty/Divulgação

O portfólio disruptivo da marca agitou as regras do meio. Ficou feio para os rótulos que sempre tiveram todo tipo de argumento para defender o indefensável e tentar justificar a ausência de cores suficientemente abrangentes. Rihanna foi lá e mostrou que não necessariamente fácil, mas possível e necessário. Mais do que isso, também provou que, mais do que um carro-chefe, é preciso ter coerência. Prova disso é que não só os produtos de cobertura levam a proposta de abrangência, mas também outros itens da linha, como os iluminadores. Na mesma ideia do fundo de cor, tem opções que partem do laranja e do magenta, ideais para evitar o efeito esbranquiçado em peles escuras ou de fundo quente.

“Rihanna jamais criaria uma linha que alguém não se sentisse confortável usando. Ela queria que todos pudessem amar Fenty”, contou a maquiadora global de Fenty, Priscilla Ono, durante o evento digital que apresentou a marca à imprensa brasileira.

Fenty Beauty/Divulgação

ASSINATURA REGISTRADA

Desde então, o portfólio só cresceu. “Muitas vezes, Rihanna vai a um tapete vermelho com algum produto diferente e logo começam as especulações. Em geral, elas estão certas! São testes para a Fenty”, conta Priscilla a CLAUDIA. O exemplo ilustra a relação próxima que a empresária mantém com o desenvolvimento dos produtos. Alguns deles, inclusive, são soluções ou formulações tais quais ela gostaria, mas ainda não tinha encontrado em outras marcas. “Ela gosta de durabilidade, que começa na preparação da pele e vai até os lencinhos matificantes que não saem de sua clutch”, conta.

Entre os favoritos de Rihanna, estão o pó anti-brilho Invisimatte (Priscilla conta que a pele dela é, talvez, a mais oleosa que já conheceu), a base da linha Pro Filt’r Soft Matte Longwear e o batom líquido vermelho Lip Stunna (anota aí a cor, é a Uncensored). Entretanto, mais do que um item ou outro, Riri tem um efeito favorito, que é o acabamento glow construído em camadas – o “Fenty Face”.

Continua após a publicidade

Trata-se de uma primeira camada de pele matificada (que inclui primer e base), seguida de iluminação estratégica nos pontos altos do rosto (feita com produto em pó, caso dos Trophy Wife, Diamond Bomb ou Killawatt Foil, ou ainda com os bastões múltiplos Match Stix). Por fim, o pó translúcido sela as regiões com tendência à oleosidade (caso do nariz e da testa).

YAY, NÓS TESTAMOS!

Depois de muitas especulações, quando no início do segundo semestre os produtos Fenty apareceram nos pedidos de registro da Anvisa, a marca finalmente desembarca no Brasil com cerca de 90% do portfólio e venda exclusiva na Sephora a partir do dia 18/8. Os preços começam em 69 reais.

Testei alguns deles, como a base favorita da cantora, e conto minhas impressões abaixo.

Isabella Marinelli/CLAUDIA

Base Pro Filt’r Soft Matte Longwear, Fenty Beauty. R$219
Tenho uma pele normal e prefiro os acabamentos luminosos, mas fiquei muito impressionada com o efeito dela. Primeiro, porque ainda que opaca, não tem textura seca demais ou desconfortável. Diria que o sensorial é de musse, suave e agradável. A tecnologia permite que se dispense o uso do pó e foi o que fiz. Para a minha surpresa, durou o dia todo sem acumular nem craquelar. Destaque para o efeito blur, que de fato suavizou os poros, e para a camuflagem da cor. É muito difícil encontrar uma base que não fique nem rosada nem amarelada no meu tom de pele, mas essa ficou perfeita. Preparei a pele com o primer da mesma linha.

Isabella Marinelli/CLAUDIA

Duo iluminador Killawatt Freestyle, cor Afternoon Snack e Mo’ Hunny, Fenty Beauty. R$199
Os dois iluminadores são muito macios e praticamente não esfarelam. Pelo tom bronzeado, usei os dois misturados nas maçãs do rosto substituindo o blush. O efeito é acetinado com ótima durabilidade também.

Isabella Marinelli/CLAUDIA

Bastão múltiplo Match Stix, cor Champagne Heist, Fenty Beauty. R$159 (cada um)
Sou muito fã das texturas cremosas pela fusão instantânea com a pele. Como não uso contorno, pulei o stick escuro e opaco e segui para o iluminador. Como todo bastão, é muito fácil de usar – só aplicar e dar batidinhas com os dedos até obter a intensidade desejada. Achei lindo para usar nas bochechas subindo para as têmporas e também no colo.

Continua após a publicidade
Publicidade