Este ensaio fotográfico de avó e neta fará seu dia valer a pena

Nas fotos, a pequena Scout Larson aparece com as mesmas roupas de sua super-heroína, a avó Diane Willoughby, que venceu a luta contra o câncer de mama

Desde pequenos, buscamos nos espelhar em pessoas mais experientes e que achamos que são bons exemplos a serem seguidos. Para Scout Larson, 3 anos, de Niceville, Florida, não foi diferente. Sua avó, Diane Willoughby, 57 anos, é quem a pequena considera ser sua super-heroína – e o amor e admiração ficaram bem evidentes no ensaio fotográfico que sua mãe, Ashley Larson, fez das duas.

Willoughby foi diagnosticada com câncer de mama em abril de 2016. De junho a setembro passou por seis rodadas de quimioterapia intensa e em dezembro enfrentou uma mastectomia dupla. Hoje, depois de todo sofrimento e luta, Diane está curada da doença e pode celebrar junto da família.

Leia mais: Filha fotografa o tratamento de câncer de mama da mãe

“Scout pensa que minha mãe é muito forte”, disse Ashley a PEOPLE. “Ela conta para todo mundo: ‘minha avó tem cabelo de novo, ela não está mais doente'”, completou.

Ashley já havia feito uma série de fotografias de sua filha caracterizando mulheres fortes e celebridades inspiradoras (como Malala Yousafzai, Frida Kahlo, Meryl Streep e até mesmo Bill Murray e David Bowie). Agora, no entanto, resolveu fazer um ensaio de sua filha vestida como sua super-heroína preferida – a avó.

 (Ashley Larson/Reprodução)

Nas fotos, Scout usa camiseta com a frase “vovó está livre do câncer, vamos celebrar!” e a avó, a frase “eu estou livre do câncer, vamos celebrar!”. As duas também compartilham outra camiseta com a frase “uma mulher de verdade é o que ela quer ser”.

Diane não é daquelas pessoas que gostam de estar à frente das câmeras. “Eu fiz isso pelo projeto”, disse ela. No entanto, depois de ver o resultado do trabalho, a avó adorou a ideia.

Leia mais: Jornalista sobre o câncer de mama: “Ele me mostrou a força do momento presente”

“Foi muito reconfortante para minha mãe mostrar para Scout como são as mulheres fortes e que ela ficaria bem”, contou Ashley. “Nós perdemos alguns membros da família por conta do câncer de mama e, quando minha mãe recebeu o diagnóstico, foi bem assustador. As crianças ficaram confusas quando ela começou a perder o cabelo e ficou bem doente, mas eles entenderam que ela era forte o suficiente para sair dessa”, relembrou.

Ashley irá reunir todas as fotografias para montar um livro somente para sua mãe e filha. “Eu sei que, agora, Scout não pode compreender totalmente o câncer de mama, mas eu quero que ela tenha essa lembrança para poder olhar no futuro. Minha maior esperança é de que, um dia, quando ela tiver minha idade, ela possa entender que as mulheres são fortes, não frágeis e delicadas – e ela verá isso na própria avó“, refletiu Larson.

 (Ashley Larson/Reprodução)