Assine CLAUDIA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Como aderir à tendência handmade em decoração de festas infantis

Peças artesanais dão mais personalidade à decoração

Por Ana Carolina Castro Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 12 dez 2017, 17h09 - Publicado em 25 nov 2017, 08h34

Em uma tentativa de resgatar as memórias de infância, cresce o número de pais que trocam as megafestas por celebrações intimistas, que melhor representam a família e o próprio aniversariante.

Neste contexto, os detalhes artesanais surgem como um grande trunfo na decoração. As peças “handmade” dão à comemoração um toque de exclusividade. Papelaria, feltro e tecido são materiais valiosos na composição de fundos de mesa, bandeirolas, flâmulas e passadeiras.

(Studio Lilian Cruz/Divulgação)
(Studio Lilian Cruz/Divulgação)

“Todo artesanato é bem-vindo. Crochê, tricô, cartonagem, criar personagens de papel em 3D… Abuse de técnicas que distingam sua produção do lugar comum”, aconselha Lilian Ruas, decoradora, consultora e palestrante para donos de negócios de festas.

“São as mini table que estão despontando com tudo agora. Elas são mais fáceis de produzir, são menores, e a mãe ou decoradora conseguem um resultado muito positivo”, explica Lilian Ruas, decoradora, consultora e palestrante para donos de negócios de festas. Ela alerta, no entanto, que as mini tables não devem ser confundidas com a ideia de mesa pequena.

Continua após a publicidade

O conceito não abrange, necessariamente, uma proposta de mesa barata. “O segredo para montar uma mini table de sucesso está no uso de um mobiliário cheio de bossa, de doces mais sofisticados, como macarons, arranjos de flores, balões importados, papelaria na parede e outros detalhes que fazem a diferença”, explica.

Lilian ressalta que fugir do local comum é um exercício diário da decoradora de festas.  A dica é escapar dos personagens comerciais, de imagem já desgastada, e apostar em temas inusitados e criativos. Para ela, quem quiser se destacar deve estar “vestido de criatividade, buscando formas de montar decorações que não possam ser reproduzidas”.

A especialista sugere o uso de desenhos feitos pelo aniversariante como um complemento para o visual da mesa principal. “Os desenhos podem ser colocados em porta retratos ou usados como passadeira. Garimpar objetos que pertencem à família também é sensacional. Uma cômoda, uma máquina fotográfica, um violão, um banquinho… Busque peças que contam a história da família. Essa inclusão cria produções afetivas”, explica Lilian.

Artesanato em festas infantis
(Raquel Alves Nascimento / Hadassa Festas ABC/Divulgação)

O feltro é o queridinho de mães e decoradoras. Especialista em trabalhos artesanais com tecido, a artesã Flavia Fabri, do Ateliê Fofurinhas, conta que aproximadamente 60% das encomendas que recebe são destinadas a decoração de festas.

Continua após a publicidade

“Apesar de antiga, a técnica do artesanato em feltro cresceu muito no Brasil nos últimos anos. E isto se deve à profissionalização das artesãs do ramo. A criatividade e a singularidade de cada peça produzida é realmente de encher os olhos. Poucas técnicas atraem tanto a atenção em uma mesa principal como o feltro. É possível fazer bonecos, bichinhos, bandeirolas, toalhas, painéis… Há uma grande variedade de possibilidades”, conta Flavia.

(Pinterest/Divulgação)
(Pinterest/Divulgação)
(Pinterest/Divulgação)

Reconhecer o trabalho dos artesãos é importante, uma vez que peças grandes podem levar de 2 a 6 horas para serem produzidas, dependendo da quantidade de detalhes que ela contém. “Apesar de o feltro possuir a fama de ser um material barato, a criação de uma peça tem valor agregado, pois demanda especialização do profissional, tempo de criação, planejamento e execução individual de uma peça”, explica.

Continua após a publicidade

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

O mundo está mudando. O tempo todo.
Acompanhe por CLAUDIA e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.

Acompanhe por CLAUDIA.

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 12,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.