Sete perguntas sobre clareamento dental respondidas

Saiba tudo sobre um dos procedimentos mais procurados nos consultórios de dentistas. Das contra indicações até qual é o método mais efetivo

O clareamento dental é um dos procedimentos mais procurados nos consultórios odontológicos, segundo revelam dados reunidos pela Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos e Odontológicos (ABIMO), em pesquisa realizada entre os anos de 2013 a 2014.

Entretanto, apesar da praticidade e da popularidade do método utilizado por muitos brasileiros para deixar os dentes mais brancos, é fundamental que sejam tomados alguns cuidados importantes para que o procedimento feito com o objetivo de deixar o sorriso mais belo não acarrete problemas para a saúde bucal.

Para esclarecer tudo sobre o assunto, Djalma Alt Faria Neto, ortodontista especialista em visagismo e harmonização facial pela Universidade José do Rosário Vellano, em Alfenas, Minas Gerais, respondeu as 7 perguntas mais buscadas sobre o assunto. 

Para que serve o clareamento dental  e quais são os tipos?

 

Conforme o próprio nome já diz, o clareamento dental serve para clarear os dentes. É um procedimento estético muito procurado por pacientes que não estão contentes com a coloração dos dentes ou que possuem alguma restauração feita de amálgama, que escurece com o tempo, hoje não utilizada mais pelos especialistas.

Existem, hoje, dois tipos de tecnologias utilizadas no clareamento dos dentes, a primeira pode ser feita com laser ou luz de led no consultório. A segunda é utilizando o peróxido de carbamida com duas moldeiras, uma para a parte superior e a outra para a inferior dos dentes.

As concentrações variam de acordo com o resultado desejado e a resistência dos dentes. O clareamento dental com essa substância é realizado através de uma reação química que libera água oxigenada, responsável por clarear os dentes. Grosseiramente falando, a reação química é a mesma que acontece quando se coloca água sanitária nas roupas para deixá-las mais brancas.

Normalmente, os dois métodos têm sido utilizados em conjunto com o objetivo de apresentar melhores resultados, chamado de conjugado por unir os dois processos. Restaurações feitas anteriormente não clareiam por terem sido feitas de resina.  

Como é feito o clareamento dental?

 

O processo à laser ou feito com luz de led é feito nos consultórios dos dentistas, geralmente, são indicadas três sessões. Já aquele realizado com as moldeiras e o peróxido de carbamida, deve ser feito segundo as prescrições feitas pelo seu dentista e pode variar de meia hora por dia durante três semanas até oito horas diárias. É preciso bastante disciplina, mas também é um procedimento muito escolhido pelas pessoas devido à praticidade e por poder ser feito no conforto da casa de cada um.

O clareamento dental aumenta a sensibilidade dos dentes?

 

Sim. Cada dente é único e possui uma sensibilidade própria. Como o produto  age no esmalte dos dentes, estrutura completamente translúcida, abrindo seus poros e atuando na dentina, nome dado ao segundo tecido do dente responsável pela sua coloração, que é completamente cheia de nervos, a sensibilidade tende a aumentar significativamente.

Os dentes ainda são formados por uma terceira estrutura, chamada de cemento, localizada na raiz de cada um. Por isso, é muito comum que os pacientes se queixem de dor quando bate um arzinho. Geralmente, recomendo um creme dental para aliviar essa sensação incômoda de sensibilidade.

O laser também abre os poros, mas ele faz isso numa única sessão, a concentração é maior, e por isso é mais recorrente que as pessoas apresentem uma maior sensibilidade. Existem alguns produtos no mercado que acarretam uma sensibilidade menor, dependendo da sua concentração, mas sempre dá um pouquinho. É importante que pacientes com muita sensibilidade informem isso ao dentista para que sejam tomados alguns cuidados.

Mulheres grávidas ou que amamentam podem fazer clareamento dental? Quais são as contraindicações?

 

Na literatura não existe nenhuma contraindicação que deixe explícito que gestantes ou mulheres que estão amamentando não devem ser submetidas ao procedimento. Entretanto, a maioria dos especialistas, inclusive eu, prefere não fazer por uma questão de cuidado. Ainda no caso das mulheres grávidas, é recomendado que qualquer procedimento odontológico apenas seja realizado a partir do terceiro mês de gestação e que haja um cuidado imenso para não prejudicar o bebê. Por exemplo, existem alguns tipos de analgésicos que não podem ser usados.

Por não se tratar de um procedimento cirúrgico as contraindicações são ligadas somente ao uso de antibióticos como a tetraciclina, que mancham os dentes. Pacientes que se queixam regularmente de muita sensibilidade nos dentes também devem ter maior cuidado para ver o método e a concentração adequada da substância. O clareamento dental também não é indicado para crianças, portanto, deve ser realizado somente em pessoas com mais de 18 anos.

O clareamento dental enfraquece os dentes?

 

Não enfraquece, isso é um mito. Não há comprovação científica sobre esse assunto. Portanto, independente do método, tanto o esmalte, quanto a dentina não são enfraquecidos. Entretanto, é fundamental que o clareamento seja realizado sob a supervisão de um especialista, pois com a popularidade do procedimento, é muito comum que as pessoas saiam comprando produtos clareadores, sem saber a procedência ou se este é o tipo mais adequado para elas. Existem produtos comercializados hoje que nem sabemos qual é a fórmula e podem ser perigosos para qualquer um.  

Pacientes que possuem muita afta também devem tomar cuidado, pois essas lesões, geralmente, são multifatoriais e podem aparecer pela ação de vírus, bactérias ou até mesmo pelo pH da boca do paciente. Normalmente, o seu ciclo é de quinze dias, e eu recomendo que a pessoa sare certinho antes de começar o procedimento, pois nessas lesões o tecido conjuntivo é exposto na boca. E a moleira pode incomodar ou ferir ainda mais essa região. Então, como não é algo emergencial, nenhum problema de saúde como uma restauração profunda ou problema no canal do dente, sugerimos que o paciente espere.

O que pode ou não comer após o clareamento dental?

 

Evitar todos os alimentos que tenham corantes em sua composição durante o tratamento. O café, o refrigerante, o molho de tomate e o cigarro são os principais responsáveis por manchar os dentes. Então, tem muita facilidade para entrar nos poros do esmalte que estão abertos e atingir a dentina. Se o paciente realmente não consegue ficar um tempo longe dessas bebidas com corantes, sugerimos que tome de canudinho e sempre escove os dentes depois.  

Outra recomendação que costumo dar para as mulheres é para que elas evitem usar batom, apenas aqueles que não têm cor ou gloss labial. Também é importante voltar ao dentista seis meses depois da realização do procedimento. Se o paciente guardar o molde, o retoque poderá ser feito com ela mesma.

Qual clareamento dental dura mais? E qual é o mais eficaz? Há um tipo específico para cada tipo de dente?

 

O clareamento dental caseiro é mais efetivo, pois a substância se espalha com mais facilidade pelos dentes pelo uso da moldeira quando é pressionada. Mas o método conjugado, ou seja, que usa tanto o laser ou a luz de led unido ao que usa essas substâncias também apresenta bons resultados.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s