Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Salve Jorge: Jéssica é espancada e estuprada!

A jovem se nega a fazer programa e tenta fugir do prostíbulo, mas não consegue

Por Redação M de Mulher - Atualizado em 16 jan 2020, 08h38 - Publicado em 24 out 2012, 21h00

Jéssica faz de tudo para não se prostituir e acaba sendo abusada por Russo
Foto: TV Globo/Divulgação

Decidida a fugir do prostíbulo em que está presa, Jéssica (Carolina Dieckmann) passa um bilhete a um cliente pedindo socorro. O homem, que é brasileiro, promete ajudá-la. Cheia de esperança, ela chega a comemorar a liberdade, dançando na boate com Rosângela (Paloma Bernardi).

Só que, ao voltar ao alojamento, Jéssica é cruelmente espancada pelo chefe de segurança, Russo (Adriano Garib). Isso porque o homem a quem solicitou ajuda também pertence à máfia do tráfico de mulheres e a denunciou para Irina (Vera Fischer).

No dia seguinte, Russo leva Rosângela até a casa de um cliente e a obriga a transar com o homem. Inconformada, Jéssica, mesmo ameaçada de morte, repreende a amiga por ter cedido e diz que tentará uma nova fuga.

Assim que se recupera do espancamento, a jovem é levada por Russo a um lugar isolado da boate. O canalha rasga as roupas dela e a estupra. Irina, na sala ao lado, nem se abala com os gritos da moça e continua a fazer a contabilidade do prostíbulo.

Continua após a publicidade
Publicidade