Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Sonho real: casar em castelos está em alta

As razões vão do glamour ao preço competitivo, fora a vantagem de poder convidar todo mundo e de realizar aquele sonho infantil de viver um dia de princesa

Por Redação M de Mulher Atualizado em 22 out 2016, 13h42 - Publicado em 20 nov 2013, 22h00

Se você sonha em vivenciar uma história de amor com direito a castelos europeus, saiba que isso também é possível
Foto: Getty Images

Garotas passam a infância encantadas com o final feliz das heroínas dos contos de fadas e ainda hoje suspiram com plebeias, de Grace Kelly a Kate Middleton, que conquistaram príncipes na vida real. Pois a internet está aproximando mulheres do mundo todo desse sonho romântico e glamouroso guardado na memória. Não faltam castelos de portas abertas aos noivos.

E, embora poucos saibam, aqui, bem pertinho de nós, há castelos e construções do século passado que já hospedaram nomes ilustres e oferecem um charmoso espaço para a realização de casamentos… todos capazes de proporcionar cerimônias dignas de realeza. A arquiteta carioca Renata Junot e o analista de comércio exterior português Bruno Veiga viveram esse conto de fadas. O casal não se cansa de rever as fotos do casamento realizado no Castelo Country Club, em Petrópolis, região serrana do Rio de Janeiro. O local, frequentado pela noiva desde a infância, foi escolhido quando o namorado fez a primeira visita ao Brasil, em 2007 – após a arquiteta voltar do intercâmbio na terra natal do rapaz. “Meu pai comentou que tinha o sonho de descer comigo as escadas do Salão Nobre. Ele faleceu no ano seguinte, mas Bruno quis honrar o desejo”, conta ela.

Reunião de família à francesa

Se você sonha em vivenciar uma história de amor com direito a castelos europeus, saiba que isso também é possível. E surpreenda-se: às vezes, atravessar o oceano fica pelo mesmo valor ou mais em conta que o de uma cerimônia realizada no Brasil. A jornalista Carolina Camargo e o engenheiro Álex Zérios passaram por essa experiência. Os pombinhos disseram “sim” à francesa, em agosto deste ano, no Château d’Artigny. Fica no Vale do Loire, área que reúne castelos transformados em hotéis de luxo, o que facilita, inclusive, a hospedagem dos convidados. O endereço escolhido pelo casal já recebeu a rainha Elizabeth II e foi construído a pedido do perfumista François Coty.

Mais castelos no Brasil

Outros cenários que seguem a mesma temática por aqui são o Castelo de Itaipava, também no Rio de Janeiro, e o Castelo do Batel, no Paraná. O segundo, considerado patrimônio histórico, foi construído em 1924 seguindo os moldes dos châteaus franceses da região do Loire, a pedido do cafeicultor e cônsul honorário da Holanda Luís Guimarães. Dentre os visitantes ilustres estão Assis Chateaubriand, Juscelino Kubitschek, Eurico Gaspar Dutra, Jânio Quadros, João Goulart, o príncipe japonês Oshio e David e Nelson Rockefeller. Com agenda aberta até 2015, Batel está na lista dos locais mais concorridos do país. Gustavo de Oliveira, gerente comercial do castelo, explica que valores de locação e serviço dependem da pompa do casamento. “Tivemos cerimônias nas quais os noivos investiram R$ 30 000 ao todo.”

Pequeno manual para princesas precavidas

· Para entrar no clima e evitar atropelos, seja num château nacional, seja num internacional, leia abaixo a lista de cuidados necessários:

· Faça um book com o que deseja e envie para a wedding planner. Fotos valem por mil palavras.

Continua após a publicidade

· Guarde os e-mails com fornecedores para ter garantias do que foi acertado.

· Leve em conta o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) para pagamentos dessa forma.

· Casar durante a semana e à luz do dia sai mais em conta.

· Analise as variações do câmbio e as taxas das transferências bancárias.

· Tente pagar via Paypal, pois a tributação é menor que as demais formas.

· Pense na locomoção e logística compreendendo que nem todos os seus convidados irão.

· Disponibilize um serviço de concierge para orientá-los ou peça o auxílio de um amigo local.

· Ofereça ou indique a hospedagem em hotéis próximos à realização da cerimônia.

· Negocie um pacote com hospedagens, bufê e château, sem cobrança de locação.

· Converse com o responsável pelo evento do dia anterior e cogite usar os mesmos fornecedores, reduzindo custos de contratação.

Continua após a publicidade
Publicidade