15 lições para seu filho entrar na faculdade

Ajude seu filho a estudar para o vestibular e entrar na faculdade com tranquilidade

A fórmula de sucesso no vestibular é: estudar para saber a resposta certa e estar tranquilo, concentrado e confiante para aplicar esse conhecimento de forma integral na prova
Foto: Getty Images

O fim do ano é um período atribulado para os adolescentes que irão prestar vestibular. Mas você também pode ajudar seu filho a se sentir mais tranquilo e confiante. Veja o que fazer:

Faltando 1 mês

Revisão da matéria

Estudar é uma questão de resistência, não de velocidade. É preciso manter um ritmo contínuo.

Esforço controlado

Oito horas diárias é tempo suficiente para absorver uma boa quantidade de informação sem deixar o cérebro muito cansado. O exagero não leva a nada!

Sono em dia

Oito horas por noite garantem o descanso e ajudam a armazenar na memória as matérias. Economizar no sono equivale a digitar dezenas de páginas no computador e esquecer de salvar o arquivo. O cérebro não registra!

Alimentação saudável

Uma dieta equilibrada é importante para a rotina intensa de estudo funcionar. O cérebro precisa de combustível.

Lazer garantido

Os livros fazem parte da vida, mas não são a vida. O fim de semana com a família e os amigos é essencial.

1 semana antes

Conclusão dos estudos

É hora de diminuir gradativamente o ritmo de revisão das matérias até parar por completo. Esse período serve para reduzir o desgaste físico e psicológico para enfrentar as provas relaxado.

Alimentação equilibrada

Não faça mudanças radicais nos hábitos alimentares do seu filho. Alterações bruscas tendem a provocar um mal-estar digestivo que atrapalhará o desempenho dele no vestibular.

Ponteiros ajustados

Além de manter a média de oito horas de sono por noite, o melhor é incentivar seu filho a começar a se levantar mais cedo. Assim, quando chegar o dia da prova, ele não irá se atrasar!

Nervosismo sob controle

Faça seu filho acreditar no potencial dele. Lembre-o de que ele se preparou para encarar esse desafio e proteja-o da agitação dos colegas na mesma situação. E atenção: tensão pré-prova é normal e, se controlada, não impede o sucesso.

Na véspera

Nada de última espiada nos livros!

É preciso aconselhar e intervir, se for necessário: não serão algumas páginas de conteúdo que garantirão a tão sonhada vaga na faculdade. Pelo contrário: em vez de ajudar a fixar as informações, essa prática tende a aumentar o cansaço e a ansiedade.

No dia D

Apostilas e livros guardados

O período de estudos já foi completado. O dia do exame deve ser reservado para manter o foco e a tranquilidade, o que colabora para o bom funcionamento do cérebro. Ajude seu filho a relaxar!

Truques contra a ansiedade

Ele deve se concentrar e manter a autoestima elevada. Se “der branco”, diga para respirar fundo – isso ajuda a controlar o pânico. Ele também pode pedir para ir ao banheiro ou tomar água. E, depois que se acalmar, voltar para responder às questões da prova.

Roupas confortáveis

Seu filho deve vestir peças com tecidos naturais, que permitam a transpiração da pele. Ninguém merece ficar incomodado com uma blusa quente ou calça justa.

Mochila completa

Nela, deve estar o material necessário: documentos, garrafa de água (para se hidratar) e uma barra de cereais, castanhas ou frutas secas para ganhar energia durante a prova.

Cobrança na medida certa

Uma cobrança “saudável” ajuda a molecada a manter o foco e render nos estudos. Pergunte de que forma você ou o pai dele podem colaborar. Definir, com os pés no chão, como se dará esse apoio ao longo do ano evita atritos desnecessários e desapontamentos.