10 melhores (e piores) países para ser mãe

Segundo pesquisa realizada pela ONG Save the Children, o Brasil está no 76º lugar do ranking de melhores países para ser mãe. Confira outros dados!

Entre 178 nações analisadas, o Brasil ficou em 76º lugar no ranking dos melhores países para ser mãe. A pesquisa State of the World´s Mothers 2014 (Estado das Mães do Mundo, em português), feita pela ONG internacional Save The Children, leva em consideração dados de agências internacionais sobre saúde da mulher, saúde infantil, educação, renda, taxa de mortalidade de crianças com menos de 5 anos, participação feminina na política e risco de morte materna (isto é, a probabilidade de engravidar e a probabilidade de morrer em decorrência da gravidez).

A Finlândia, seguida pela Noruega e Suécia, obtiveram as primeiras colocações deste ano. O Brasil ficou atrás de outros cinco países latinos: Chile (47º), Uruguai (53º), Equador (64º), Venezuela (67º) e Peru (72º).

O alto risco de morte da mulher associada à gravidez, baixa renda e pouca participação feminina no governo são fatores que levam nosso país a não ser considerado um lugar melhor para ter filhos. A pesquisa apontou uma redução da taxa de mortalidade infantil quase pela metade desde 1990. Mas os números ainda são preocupantes: a nossa taxa de mortalidade infantil é de 14,4 óbitos a cada mil nascidos vivos – na Finlândia, por exemplo, a taxa é de 2,9 mortes. Outro ponto que merece atenção é o índice de mortalidade materna (1 em 910 casos) que continua muito acima dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), indicados pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Saiba quais são os 10 melhores países para ser mãe…

1º Finlândia

2º Noruega

3º Suécia

4º Islândia

5º Holanda

6º Dinamarca

7º Espanha

8º Alemanha

9º Austrália* 

9º Bélgica*

 

E os 10 piores…

169º Costa do Marfim

170º Chade

171º Nigéria

172º Serra Leoa

173º República Centro-Africano

174º Guiné-Bissau

175º Mali*

175º Níger*

177º República Democrática do Congo

178º Somália

 

* Países empatados