Você morre de frio no escritório? A temperatura do ar foi regulada para os homens!

Já teve a sensação de estar congelando enquanto o colega ao lado parece confortável? Isso é mais comum do que você pensa - e tem uma explicação

Você já teve a sensação de estar congelando enquanto o seu colega de trabalho parece completamente à vontade com a temperatura? Isso não é um caso isolado e muito menos uma coincidência!

Alguns sistemas de ar condicionado ainda são calibrados com uma fórmula antiga, baseada em  uma lógica envolvendo o impacto no meio ambiente, os trajes usados na empresa e a taxa metabólica das pessoas. Até aí parece tudo bem, certo? O problema é que todas essas variáveis são correspondentes ao sexo masculino.

Os cientistas da Universidade de Maastricht relataram em um estudo recente que, até hoje, na maioria das instituições vigora uma equação desenvolvida em 1960. Os termostatos desses escritórios são regulados com uma temperatura baixa demais para as mulheres – que têm o corpo menor e o metabolismo mais lento. Então, como a quantidade de calor que podemos gerar é inferior, acabamos sofrendo com o frio no trabalho.

Isso significa que é praticamente impossível vencer a briga com a temperatura do ar – exceto contando com a colaboração do empregador. Afinal, já passou da hora de rever mais essa questão de gênero.