Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Robinho é condenado a nove anos de prisão por violência sexual

O crime aconteceu em 2013 quando o jogador atuava pelo Milan; atleta ainda pode recorrer e veredicto está em espera

Por Da Redação - Atualizado em 23 nov 2017, 15h55 - Publicado em 23 nov 2017, 15h53

O atacante Robinho, foi condenado a nove anos de prisão por violência sexual em grupo contra uma jovem albanesa de 22 anos pela nona seção do Tribunal de Milão nesta quinta-feira (23), informa a imprensa italiana, como o jornal  La Gazzetta Dello Sport.

Apesar da condenação, o sistema de justiça italiano permite vários níveis de recurso. Assim, o atleta pode recorrer na sentença dada e o veredicto foi posto em espera até que o processo seja concluído. Até lá, a sentença não é dada como definitiva.

O crime aconteceu em uma boate da cidade italiana em 22 de janeiro de 2013, durante um jantar entre Robinho, amigos e a esposa, quando o atleta atuava pelo Milan. Atualmente, o jogador mora no Brasil e defende o Atlético-MG.

Leia mais: Ex-goleira dos EUA acusa presidente da FIFA de assédio sexual

Continua após a publicidade
Publicidade