Oscar 2015: confira a lista dos indicados

Saiu! Os melhores filmes do ano foram selecionados para a premiação mais importante do cinema. Saiba quais são eles

Melhor Filme

“Boyhood”

Lançamento: 30 de outubro de 2014
Dirigido por Richard Linklater
Com: Ellar Coltrane, Patricia Arquette e Ethan Hawke
Gênero: Drama

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Vencedor de Melhor Filme no Globo de Ouro de 2015, “Boyhood: Da infância à juventude” foi filmado durante 12 anos! A produção que acompanha o desenvolvimento dos elenco inova não só pela direção, mas também pelo roteiro delicado. Conhecido por uma das trilogias mais queridas dos romances (“Antes do Amanhecer”, “Antes do Pôr-do-Sol” e “Antes da Meia-Noite”), Richard Linklater costuma dirigir produções sensíveis e bem recebidas pelo público.

O filme conta a história de Mason (interpretado pelo estreante Ellar Coltrane), um garoto que passa dos 6 aos 18 anos durante o longa que explora o seu amadurecimento ao enfrentar problemas que envolvem a sua família e a sua independência. Ethan Hawke (que fez também a trilogia romântica), Patricia Arquette e Lorelei Linklater, filha do diretor, completam o elenco principal. As duas horas e 40 minutos de sessão conquistaram a crítica de todo mundo, colocado “Boyhood” entre os preferidos a receber a estatueta.

“O grande hotel Budapeste”

Lançamento: 3 de julho de 2014
Dirigido por Wes Anderson
Com: Ralph Fiennes, Tony Revolori e Jude Law
Gênero: Comédia

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Durante o período entre as duas Guerras Mundiais, um concierge de um famoso hotel na Europa, ou seja, uma espécie de porteiro que controla o “entra e sai” dos hóspedes, se aproxima de um jovem empregado contratado para ser o mensageiro do Budapeste. Interpretados, respectivamente, por Ralph Fiennes e Tony Revolori, os fiéis companheiros se envolvem no roubo de uma pintura renascentista inestimável. Tudo isso em meio às mudanças ocorridas na Europa nos anos 20.

Além de trazer para a disputa a obsessiva estética do diretor norte-americano Wes Anderson, o filme conquistou a crítica e arrancou muitas risadas do público.  

“Birdman”

Lançamento: 29 de janeiro de 2015  
Dirigido por Alejandro González Iñárritu
Com: Michael Keaton, Zach Galifianakis e Edward Norton
Gênero: Comédia, Drama

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

O cinema ao falar de si mesmo sempre chama atenção, e pode render boas indicações: “O Artista” é um caso, vencedor de cinco categorias do Oscar em 2012, incluindo o Melhor Filme.

“Birdman”, traduzido para o português como “A Inesperada Virtude da Ignorância” é uma comédia de humor negro que conta a história de um ator (Michael Keaton) que no passado interpretou um famoso super-herói. Anos depois, com a carreira em crise, ele faz de tudo para montar uma peça na Broadway e reviver o personagem que marcou sua carreira.

“Whiplash”

Lançamento: 8 de janeiro de 2015
Dirigido por Damien Chazelle
Com: Miles Teller, J.K. Simmons e Paul Reiser
Gênero: Drama

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Andrew (Miles Teller) é um solitário baterista que sonha em ser o melhor de sua geração. Em busca de seu sonho ele entra para a melhor escola de música dos Estados Unidos e chama a atenção do impiedoso mestre do jazz Terence Fletcher (JK Simmons). O rigoroso trabalho pela exatidão transforma seu objetivo em obsessão, afetando toda a sua vida.

“Whiplash – Em Busca da Perfeição” cresce bastante nas expectativas por ser tenso e não moralista. É possível sair das salas de cinema achando o método absurdo ou com a certeza de que gotas de suor e sangue são necessárias para o sucesso. 

“A Teoria de Tudo”

Lançamento: 29 de janeiro de 2015
Dirigido por James Marsh
Com: Eddie Redmayne, Felicity Jones e Tom Prior
Gênero: Biografia, Drama

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Baseado na incrível biografia do astrofísico Stephen Hawking (Eddie Redmayne), o filme mostra suas importantes descobertas sobre o tempo, além de retratar o romance pela sua “paixão do colégio” Jane Wide (Felicity Jones). Hawking descobriu sofrer de uma doença motora degenerativa  quando ele tinha apenas 21 anos.

Inspirado no livro “Travelling to Infinity: My Life with Stephen”, o longa tem uma combinação adorada pela Academia: um ator que passou por uma grande transformação física, uma cinebiografia de um personagem lendário e uma história dramática.

“O Jogo da Imitação”

Lançamento: 5 de fevereiro de 2015
Dirigido por Morten Tyldum
Com: Benedict Cumberbatch, Keira Knightley e Matthew Goode
Gênero: Biografia, Drama

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Durante a Segunda Guerra Mundial, cientistas e inventores do serviço secreto britânico trabalharam para quebrar o código Enigma, utilizado pelo governo nazista. Baseado na biografia de Alan Turing (Benedict Cumberbatch), o matemático que ajudou a quebrar o código alemão, o filme acompanha seu desenvolvimento no mundo da tecnologia até ser conhecido como “o pai da inteligência artificial”.

Keira Knightley (“Piratas do Caribe”  e “Orgulho e Preconceito”) interpreta Joan Clarke, a integrante feminina do grupo de estudiosos e também noiva de Turnig – até ele revelar ser homossexual.

“Selma”

Sem previsão de lançamento no Brasil
Dirigido por Ava DuVernay
Com: David Oyelowo, Tom Wilkinson e Tim Roth
Gênero: Biografia

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

“Selma” não é um manifesto, um grito de guerra ou uma aula de história. É um filme inteligente que arranca do público lágrimas de tristeza, raiva, gratidão e esperança. Estamos falando de um dos heróis mais importantes da história americana, Martin Luther King.

“Sniper Americano”

Lançamento: 19 de fevereiro de 2015
Dirigido por Clint Eastwood
Com: Bradley Cooper, Sienna Miller e Kyle Gallner 
Gênero: Biografia, Guerra

Divulgação Divulgação

Divulgação (/)

Baseado no livro “American Sniper: The Autobiography of the Most Lethal Sniper in U.S. Militar History”, a história real é de Chris Kyle (Bradley Cooper), um atirador de elite das forças especiais da marinha americana que sobreviveu a quatro missões no Iraque.

Sobre o filme, Bradley Cooper já afirmou que não se trata sobre o conflito, e sim sobre um estudo de caráter íntimo do impacto angustiante da guerra em um soldado e sua família. O ator, duas vezes indicado ao Oscar, também é produtor do longa ao lado do diretor Clint Eastwood, reconhecido por sucessos como “J. Edgar” e “Além da Vida”.

 

Melhor Diretor:

Alejandro González Iñárritu com “Birdman”

Richard Linklater com “Boyhood”

Bennett Miller com “Foxcatcher”

Wes Anderson com “O Grande Hotel Budapeste”

Morten Tyldum com “O Jogo da Imitação”

Melhor Ator:

Steve Carrell com “Foxcatcher”

Bradley Cooper com “Sniper Americano”

Benedict Cumberbatch “O Jogo da Imitação”

Michael Keaton “Birdman”

Eddie Redmayne com “A Teoria de Tudo”

Melhor Atriz

Marion Cotillard com Dois Dias, Uma Noite”

Felicity Jones com “A Teoria de Tudo”

Julianne Moore com “Para Sempre Alice”

Rosamund Pike com “Garota Exemplar”

Reese Witherspoon com “Livre”

Melhor ator coadjuvante

Robert Duvall com “O juiz”

Ethan Hawke com “Boyhood”

Edward Nortan com “Birdman”

Mark Rufallo com “Foxcatcher”

J.K. Simmons com “Whiplash”

Melhor atriz coadjuvante

Patricia Arquette com “Boyhood”

Laura Dern com “Livre”

Keira Knightley com “O Jogo da Imitação”

Emma Stone com “Birdman”

Meryl Strepp com “Caminhos da Floresta”

Melhor Roteiro Original

Alejandro González Iñárritu, Nicolás Giacobone, Armando Bo e Alexander Dinelaris com “Bidrman”

Richard Linklater com “Boyhood

Dan Futterman com “Foxcatcher”

Wes Anderson com “O Grande Hotel Budapeste”

Damien Chazelle com “Whiplash”

Melhor animação

“Operação Big Hero”
“Como Treinar o Seu Dragão 2”
“Os Boxtrolls”
“Song of The Sea”
“The Tale of the Princess Kaguya” 

Melhor filme em língua estrangeira

“Ida” (Polônia)
“Leviatã” (Rússia)
“Tangerines” (Estônia)
“Timbuktu” (Mauritânia)
“Relatos Selvagens” (Argentina)