Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Mulher tem filha aos 67 anos e se torna a ‘mãe mais velha’ da China

"A menina é um presente do céu para nós dois",celebrou o pai da recém-nascida

Por Da Redação - Atualizado em 17 fev 2020, 12h10 - Publicado em 28 out 2019, 18h18

Aos 67 anos, Tian, uma mulher chinesa, recebeu em seus braços sua filha, a Tianci, após uma cesariana. Com isso, a senhora afirma ser a “mãe mais velha da China” por meios naturais. As informações foram divulgadas em veículos locais.

Não perca o que está bombando nas redes sociais

O pai da recém-nascida, que tem 68 anos, declarou ao Guancha.cn que “a menina é um presente do céu para nós dois”. De acordo com o jornal Global Times, o nome foi escolhido inclusive para representar essa fala do pai, já que Tianci significa “presente do céu” em chinês.

Em entrevista a AFP, a maternidade da cidade de Zaozhuang confirmou a internação da mulher de 67 anos e o nascimento da bebê, mas sobre a concepção do feto eles não podem se pronunciar, já que o pré-natal não foi feito na instituição e Tian entrou em contato quando estava grávida.

Continua após a publicidade

Caso a gravidez de Tian seja confirmada como natural, um recorde mundial será batido. De acordo com o livro Guinness, a mulher mais velha a dar à luz uma criança naturalmente foi uma britânica, em 1997, quando tinha 59 anos. Já por meio da fertilização in vitro, o recorde mundial é de uma espanhola, María del Carmen Bousada Lara, que teve gêmeos em 2006, aos seus 67 anos.

Segundo o jornal Jinan Times, o casal já tem dois filhos, sendo que um nasceu em 1977, pouco antes da aplicação da política do filho único imposta para impedir a explosão populacional na China.

Leia mais: Morre Roberto Bueno, personal trainer e coach dos famosos

+ Horóscopo de 28 de outubro a 3 de novembro: desafios e renascimento

PODCAST – Por que não sinto vontade de transar?

 

Publicidade