Mulher finge passar mal para viajar de classe executiva e faz avião voltar

Depois que as autoridades foram chamadas, ela confessou que inventou problema de saúde para conseguir um assento melhor

Uma mulher, cujo nome não foi divulgado, fingiu passar mal durante um voo entre as cidades Pensacola e Miami, ambas na Flórida, nos Estados Unidos, na última sexta-feira (29). O piloto da aeronave da American Airlines chegou a decretar emergência e mudar a rota do voo, voltando ao local de origem após a mulher dizer que estava tendo dificuldades para respirar.

Depois que a polícia foi chamada pela tripulação, a passageira confessou que inventou estar passando para conseguir ser transferida para a classe executiva, a mais alta no avião.

De acordo com a CNN, a mulher inicialmente se recusou a desembarcar quando as autoridades chegaram. O piloto, então, decidiu que todos os outros passageiros teriam que descer. Em seguida, ela resolveu obedecer a ordem para sair do avião.

Ainda segundo o veículo americano, a passageira, que esteve sob custódia da polícia, foi levada a uma instituição para pacientes mentais e, por enquanto, não foi acusada por algum crime.

Leia também: Mulher descobre traição de marido em crítica gastronômica

+ Repórter é perseguido por porco ao vivo na Grécia

PODCAST – Como consumir menos, de forma consciente e inteligente

%d blogueiros gostam disto: