Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Michelle Obama é chamada de ‘macaca de salto’ por figura pública

Primeira-dama dos EUA foi vítima de comentário racista nas redes sociais

Por anaesamuel Atualizado em 15 nov 2016, 19h21 - Publicado em 15 nov 2016, 19h18

michelle-obama

Uma publicação racista no Facebook a respeito da primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, acabou resultando em uma campanha pela demissão da autora do post e pela renúncia de uma prefeita de uma pequena cidade do Estado da Virgínia Ocidental.

Pamela Ramsey Taylor, que gerencia o Escritório de Desenvolvimento da região do Condado de Clay, fez um comentário sobre a eleição do republicano Donald Trump.

“Será revigorante ter uma primeira-dama requintada, bonita, digna na Casa Branca. Estou cansada de ver uma macaca de salto”, escreveu Taylor no Facebook.

A prefeita da cidade de Clay, Beverly Whaling, respondeu ao post. “Acabei de ganhar o dia, Pam.”

A cidade de Clay tem uma população de 491 pessoas , dos quais 98% são brancos.

A publicação logo se espalhou no Facebook e ganhou destaque na imprensa internacional. Em pouco tempo os internautas organizaram um abaixo-assinado com quase 100 mil assinaturas pedindo que Taylor seja demitida e Whaling renuncie ao cargo.

Segundo informações do jornal New York Daily News, Taylor foi retirada oficialmente do cargo na segunda-feira (14).

Em entrevista ao canal local WSAZ, Taylor admitiu que suas palavras poderiam ser “interpretadas como racistas, mas, de maneira nenhuma, tinham intenção de ser (racistas)”. Ela completou ainda que seus comentários refletiam sua opinião pessoal sobre os atrativos de uma pessoa e não sobre a cor de sua pele.

Continua após a publicidade
Publicidade