Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Ex-BBB Felipe Prior é denunciado pelo Ministério Público por estupro

A denúncia foi feita após a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de São Paulo não indiciar o acusado no fim do inquérito policial

Por Da Redação Atualizado em 6 ago 2020, 21h08 - Publicado em 6 ago 2020, 21h04

Após a 1ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de São Paulo concluir o inquérito policial sem indiciar o ex-BBB Felipe Prior nesta terça-feira (4), o caso teve uma reviravolta em poucas horas. Nesta quinta-feira (6), o Ministério Público de São Paulo denunciou o arquiteto por estupro. 

Em abril deste ano, enquanto estava confinado no reality show Big Brother Brasil, Felipe foi denunciado por estupros que teriam acontecido em 2014, 2016 e 2018. A informação foi divulgada pela Marie Claire.

Danilo Romão, da 7ª Promotoria Criminal, e Fernanda Moreti, da Promotoria da Violência Doméstica, foram os responsáveis pela denuncia do crime de estupro, que, segundo relato da vítima, aconteceu em São Paulo, no ano de 2014. Já os demais casos teriam acontecido em outros municípios, ficando sob o acompanhamento de promotores locais, segundo o G1.

Juliana de Almeira Valente e Maira Machado Frota Pinheiro, advogadas das vítimas, informaram por meio de uma nota ao veículo que “oferecimento da denúncia contra Felipe Prior demonstra a consistência das provas do caso, apesar das tentativas de desacreditar as acusações e as vítimas. Reforça a confiança de que o caso chegará a um desfecho com o mínimo de Justiça, apesar das marcas que estarão para sempre com toda as mulheres que sofreram abuso”, disseram.

Sobre o impacto do caso no debate de direitos das mulheres, elas explicam: “lutamos neste momento, não só para que um abusador seja responsabilizado, mas para que no futuro mulheres possam denunciar agressões sem serem atacadas, revitimizadas e desacreditadas pela sociedade e até por estruturas de Estado criadas para acolhê-las”, informaram ainda na nota. As investigações vão acontecer sob segredo de Justiça.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade