Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Esta americana ilustra zonas de conflito pelo mundo

A americana Molly Crabapple percorre zonas de conflito ao redor do mundo. E decidiu contar o que vê em ilustrações contundentes

Por Gabriela Malta Atualizado em 16 fev 2017, 17h39 - Publicado em 16 fev 2017, 17h38

A jornalista e ilustradora americana Molly Crabapple, 33 anos, retrata histórias como a vida dos presos em Guantánamo ou dos refugiados em campos de concentração na Síria. Molly Crabapple é pseudônimo de Jennifer Caban, e seus trabalhos fazem parte da coleção permanente do Museu de Arte Moderna, em Nova York.

Leia também: Merula Steagall desafiou a talassemia e luta para salvar vidas

https://www.instagram.com/p/BOAf1brDp46/?taken-by=ms.otwell

 

Filha de uma ilustradora, ela começou a desenhar aos quatro anos e transformou a forma de se expressar em militância. “Minhas ilustrações são a forma que encontrei para compartilhar as cenas impressionantes que já vi ao longo dos anos”, diz.

Continua após a publicidade

Leia também:  Conheça o professor de pedagogia que ensina ioga aos sem-teto

Atualmente, Molly está trabalhando em um novo livro, ilustrado por ela e escrito por um jornalista sírio, Marwan Hisham, sobre Aleppo, cidade tomada pelo Estado Islâmico. A previsão de lançamento é setembro deste ano.

View this post on Instagram

A post shared by Molly Crabapple (@mollycrabapple) on

Continua após a publicidade
Publicidade