Clique e assine com até 75% de desconto

Espalhe o amor: “Neste 12 de junho, vá mais longe: pense grande, aja grande, ame grande”

Colunista Marcia de Luca comenta a importância de ter um comportamento gentil e amoroso

Por Marcia de Luca Atualizado em 27 out 2016, 23h52 - Publicado em 1 jun 2015, 11h11

Neste 12 de junho, vá mais longe: pense grande, aja grande, ame grande. No lugar de simplesmente seguir o comportamento padrão de comprar um presente para seu namorado (ou marido), sair para jantar fora só os dois e depois apenas retomar as mesmas atitudes desatentas que norteiam nossa rotina nesta vida de correria e stress, mande mensagens de amor para as pessoas que estão perto de você no dia a dia. Uma amiga querida, um irmão atencioso, uma vizinha cuidadosa, um colega generoso, uma prima amorosa, uma funcionária caprichosa…

O mundo precisa se conscientizar de que devemos transcender o ego individual e viver em sentido de comunidade, de compreensão, de colaboração. Você já ouviu falar que todos somos UM? Que vivemos em um universo de inter-relacionamentos onde o conjunto de nossas ações, pensamentos e emoções afeta o coletivo? Sejam eles bons ou ruins – mais e mais temos notado que a violência que existe lá fora é basicamente o somatório da violência que existe dentro do nosso coração também. E, para mudar isso, precisamos começar mudando a nós mesmos.

Acredito que essa seja uma enorme oportunidade para revermos esse conceito e promover uma evolução interior. Façamos uma corrente do bem tendo atitudes de gentileza e de carinho em relação a muitas pessoas. Você verá como essas ações inesperadas e desinteressadas vão tocar fundo o coração de cada uma delas. Não estamos acostumados mais com esse tipo de comportamento gentil e amoroso. Nos dias de hoje, parece que o lema universal é o “Salve-se quem puder”, não é mesmo? Que tal fazer diferente?

Newton nos ensinou através da lei da física que toda ação implica uma reação. E é exatamente isso o que vai acontecer com você, pode apostar. Um novo posicionamento perante a vida e as pessoas vai acionar esse mecanismo infalível e você sentirá o retorno desse sentimento com a mesma força. É por isso que chamo esse movimento de corrente do bem. Todos sendo gentis, agradecendo, mandando boas vibrações, fazendo pequenas delicadezas sempre para o maior número de pessoas fará com que uma nova energia se instale e ganhe força ao nosso redor. Estaremos unidos pelo amor fraterno, pela gratidão, pela paciência e pela tolerância.

Você já imaginou como seria bom viver em um mundo no qual cada um se preocupasse com o outro sinceramente? No qual todos tivessem o mesmo valor e merecessem sua dose de atenção e carinho? É isso que proponho. Seja criativo, utilize o poder da imaginação para inventar e experimentar novas formas de agradecer e mandar mensagens de amor – não importa o tipo de amor. Não se limite aos presentes materiais, às flores e caixas de chocolate. Um bilhete, um abraço, um elogio podem fazer ainda mais diferença.

O que vale é termos no nosso coração esse sentimento mais nobre do amor ampliado e direcionado para todos à nossa volta. Tente, o Universo agradece, e você, sem dúvida, presenciará grandes milagres acontecerem ao seu redor. 

Continua após a publicidade
Publicidade