Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Disney Channel tem sua primeira protagonista LGBT+

Luz Noceda, de 'A Casa da Coruja', é bissexual, como confirmou Dana Terrace, a criadora da série

Por Da Redação - Atualizado em 17 ago 2020, 15h24 - Publicado em 17 ago 2020, 16h00

Pela primeira vez, uma animação do Disney Channel tem uma personagem principal assumidamente LGBT+. Luz Noceda, protagonista do desenho A Casa da Coruja, é bissexual, como confirmado pela criadora da série, Dana Terrace, que também é bi.

Inicialmente uma adolescente comum de 14 anos, Luz embarca em uma jornada para outro mundo para se tornar uma bruxa. Ao longo do show, ela demonstra sentir atração por personagens masculinos, mas nos episódios mais recentes, começa uma relação com Amity, que a princípio era sua rival.

Em seu Twitter, Terrace contou que desde o início era sua intenção incluir personagens queer na história, mas que parte da liderança do Channel era contra qualquer representação de relacionamentos gay ou bi no show. Mesmo assim, ela bateu o pé, insistindo até conseguir o que queria.

“Eu sou bi! Eu quero escrever sobre um personagem bi, caramba! Por sorte, minha teimosia valeu à pena e agora eu sou BASTANTE apoiada pela liderança atual da Disney.”

Ela também confirmou que Luz e a personagem Amity, vão ao “Grom” (uma espécie de baile de formatura) como um casal e que, na verdade, ambas são bissexuais.

“Representatividade importa!”, continuou Terrace. “Sempre lute pelo que VOCÊ quer ver. Conforme A Casa da Coruja continuar, mal posso esperar para explorar outras coisas que são importantes para mim e minha equipe. Ansiosa para o próximo capítulo.”

Outras produções da Disney já haviam contado com personagens LGBT+, mas sempre secundários. No filme Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica, por exemplo, a personagem Specter se identifica como lésbica. Até então, somente o curta Out da Pixar, lançado em maio deste ano no Disney Plus, também contava com um protagonista gay.

O que falta para termos mais mulheres eleitas na política

Continua após a publicidade
Publicidade