Aprenda a não dar tanto valor aos problemas

Será que fazer drama já virou hábito? Ensinamos você a romper o ciclo e não se deixar levar por expectativas catastróficas

Não dê tanto valor aos problemas
Foto: Getty Images

Transformamos nossos problemas em questões muito maiores e mais sérias, praticamente impossíveis de resolver, e passamos dias nos torturando com eles. Bateu o desejo de declarar guerra à adversária interior? Propomos estas táticas de ajuda:

1. Matenha pessoas que são tranquilas ao seu redor

Os mais velhos costumam se encaixar nesse perfil. Sabe aquela avó sábia que costuma dizer que tudo passa na vida? Transforme-a em sua heroína.

2. Anote situações que você dramatizou antes de acontecer

Procure se lembrar de quantas vezes a “profecia” realmente se cumpriu. Certamente terão sido pouquíssimas.

3. Escreva num bloquinho os obstáculos que precisa superar

Ao escrever, a gente se torna uma observadora das próprias ações e vê com um pouco mais de clareza os possíveis exageros que cometemos.

4. Respire fundo e dê um chacoalhão em si mesma

Pare e se pergunte: “Por que estou fazendo isso comigo?” Questionar uma atitude contraproducente é um grande passo para começar a desarmá-la.

5. Não menospreze conselhos

Quando amigos, familiares ou colegas de trabalho lhe disserem que você está indo longe demais, acredite, porque pode ser verdade.

6. Invista em técnicas de relaxamento

Para controlar a ansiedade aposte em ioga, meditação e massagens. Quando relaxamos, ficamos mais centradas e conseguimos separar com maior nitidez o que é real do que é apenas o fantasma criado pela nossa imaginação.

7. Conte o que está acontecendo para diversas pessoas

É como se você desgastasse o problema, que a cada relato vai parecer menor.