4ª Conferência Nacional de Políticas para Mulheres lança ação empoderadora

A campanha #SouMulherEPosso incentiva as mulheres a refletirem sobre o exercício de suas capacidades, sonhos e metas de vida. E você pode participar! Veja como:

Ser mãe, não ser. Casar-se ou não. Depilar-se ou não. Usar batom ou não. Optar por trabalhar ou cuidar da casa. Ser livre para lutar pelos nossos direitos. É o que propõe a nova campanha online #SouMulherEPosso lançada pela 4ª Conferência Nacional de Políticas para Mulheres (4ª CNPM), que tem como objetivo levar as mulheres a refletirem sobre o exercício de suas capacidades, sonhos e metas de vida

A ação que promete invadir as redes sociais, principalmente o Facebook, nas próximas semanas, já conta com a participação de figuras ilustres como a líder indígena, Sônia Guajajara; a coordenadora da Diversidade e assessora de gabinete da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), do Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos, Janaína de Oliveira; a secretária da Mulher e da Diversidade Humana da Paraíba, Gilberta Soares; a ministra das Mulheres, da Igualdade Racial, da Juventude e dos Direitos Humanos, Nilma Lino Gomes, entre outras.  

 

 

“Eu sou mulher e posso lutar contra a ditadura civil militar, ser professora titular da Unifesp, ser mãe, ser avó. Posso e quero mais direitos, participação e poder para as mulheres e lutar pela democracia”, declarou Eleonora Menicucci, Secretária Especial de Políticas para as Mulheres, para a campanha:

 

 

A quarta edição da CNPM é organizada pela Secretaria de Políticas para as Mulheres, do Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial, da Juventude e dos Direitos Humanos, e pelo Conselho Nacional dos Direitos da Mulher (CNDM), e os vídeos mais marcantes serão exibidos durante a fase nacional da Conferência, que já tem data e local de realização: Centro de Convenções Ulysses Guimarães, entre os dias 10 e 13 de maio, em Brasília.

Posso participar?

Lógico que sim! Com o celular na horizontal, grave seu vídeo (que precisa ter no máximo um minuto) repetindo e completando a frase “Sou Mulher e Posso…”. Depois, é só divulgar nas redes sociais usando a hashtag #SouMulherEPosso. Nós podemos, então vamos juntas?