Veja como estão os atores de “Castelo Rá-Tim-Bum” 20 anos depois

Com a estreia da nova exposição, o elenco se reencontra 20 anos depois do último episódio de uma das séries mais queridas do país

Não é novidade para ninguém que “Castelo Rá-Tim-Bum” foi – e ainda é – uma paixão nacional. Prova disso é que, nessa sexta-feira (31), uma nova exposição do programa infantil será aberta ao público no Memorial da América Latina. A pré-estreia, que aconteceu na noite de quarta-feira (29), reuniu uma parte do elenco, a imprensa e alguns fãs e colaboradores.

Dentre os atores, compareceram Angela Dippe, que interpretou a própria Penélope no evento, Rosi Campos, a bruxa Morgana, Sérgio Mamberti, intérprete do Dr. Victor, Patrícia Gasppar, a Caipora, Henrique Stroeter, o Perônio, e Ciça Meirelles, que interpretava uma das Patativas. Os atores Cássio Scapin, o famoso Nino, Cinthya Rachel, a Biba, e Freddy Allan, que interpretava o Zequinha, não foram ao evento; Luciano Amaral, o Pedro, recusou o convite.

Leia mais: Programas infantis que marcaram época

Para entrar no clima da nova exposição, veja como está o elenco 20 anos depois.

Cássio Scapin

 (CLAUDIA/Reprodução)

O ator, que dava vida ao protagonista Nino, realizou diversos trabalhos na televisão depois de sua participação no “Castelo Rá-Tim-Bum”, como a novela “A Lua Me Disse”, em 2005, a minisérie “Amazônia”, em 2007, e até o ano passado era Eduardo, um personagem de“Trair e Coçar É Só Começar”, série do Multishow. Hoje interpreta Beroso na novela “O Rico e Lázaro”, exibida pela Record.

Cinthya Rachel

 (CLAUDIA/Reprodução)

Depois de Biba, Cinthya Rachel participou de várias novelas, programas e filmes brasileiros. Também se formou em jornalismo e até hoje possui um blog, o qual leva seu nome. Sua última participação nas telinhas foi como apresentadora do “Cozinha Amiga”, programa da TV Gazeta que foi ao ar de 2012 a 2013. Em 2015, ela realizou o sonho de lançar um livro-infantil, chamado “A Garota Que Queria Mudar o Mundo”. Atualmente ela também tem um canal no YouTube.

Luciano Amaral

 (CLAUDIA/Reprodução)

Antes de viver o querido Pedro, Luciano já atuava na TV Cultura entre 1991 e 1992 como Lucas Silva e Silva, no programa “Mundo da Lua”. Depois de “Castelo Rá-Tim-Bum”, ele se tornou apresentador, diretor e dublador. Até 2015, apresentou o “Go Game”, programa sobre jogos e tecnologia, e atualmente apresenta o “Glitch”, na PlayTV. 

Freddy Allan

 (CLAUDIA/Reprodução)

O mais novo da turma, foi descoberto pelo diretor do programa quando apresentava o espetáculo “A Fuga do Planeta Kiltran”. Depois do Zequinha, participou de atrações em outras três emissores de TV – a Record, o SBT e a Rede Globo. Viajou com Zé Celso Martinez Corrêa, à frente do Teatro Oficina, para apresentações no festival artístico de Ruhrfestspielen, na Alemanha. Atualmente trabalha na abertura do Teatro Dulcina na Cinelândia, montando a peça “A Morta”.

Rosi Campos

 (CLAUDIA/Reprodução)

A jornalista Rosi Campos deu vida à mística Morgana Astrobaldo Stradivarius Victorius. É uma das veteranas mais talentosas da televisão brasileira e integrou diversos programas e tramas, como “Da Cor do Pecado”, “Salve Jorge” e “Joia Rara”. Sua última grande novela foi “Êta Mundo Bom!”, na qual foi Eponina Pereira Martino, e seu último filme foi “Eu Te Levo”, no qual interpretou Marta.

Sérgio Mamberti

 (CLAUDIA/Reprodução)

O ator paulistano foi o responsável por interpretar o inventor Victor Astrobaldo Stradivarius Victorius. Quem não se lembra do seu famoso bordão: “Raios e Trovões”? Além do “Castelo Rá-Tim-Bum”, Mamberti participou de novelas como “Anjo Mau”, “O Clone” e “Da Cor Do Pecado”. Um dos maiores veteranos do ramo no Brasil, seu último trabalho foi na série “3%”, na qual interpretou Matheus.