Um retrato de Gisele Bündchen

Saiba o que as pessoas que convivem intimamente com a top revelam sobre ela

Um retrato de Gisele Bündchen

“Estou mais madura, o que me dá 
segurança. Me sinto também mais 
mulher, mas não quero perder o lado 
menina”, afirma Gisele Bündchen
Foto: Getty Images

Ficha técnica

Nome: Gisele Caroline Bündchen
Data do nascimento: 20/7/1980
Família: Tem cinco irmãs – Raquel, Graziela, Patrícia, Gabriela e Rafaela

Jamais pensei ir tão longe. O começo foi tão difícil! Mas nunca tive medo. Algo me dizia que tudo ficaria bem“, conta Gisele Bündchen 

Como tudo começou

Aos 13 anos, quando a mãe inscreveu a filha em um curso de postura e boas maneiras. O curso levou o grupo de meninas para visitar o Playcenter, em São Paulo. No dia do passeio, na praça de alimentação de um shopping paulistano, Gisele foi descoberta pela agência Elite. Como era muito nova, aconselharam que esperasse mais um pouco. Voltou para Horizontina, cidade gaúcha onde foi criada, e um ano depois, em 1994, entrou para o time da Elite em Porto Alegre. O resto é história. 
 

Ela não queria ser modelo. Só tomou gosto no primeiro editorial para uma revista, aos 14 anos. Era de beijo na boca e, como ela nunca tinha beijado, fingiu.”
Monica Monteiro, ex-agente da modelo

A melhor do mundo

 
Em 1999, Gisele foi eleita a melhor modelo do mundo pela “Vogue América”. Desde então, é chamada de “übermodel”. Em alemão, über significa acima, ou seja, mais do que uma supermodelo. Na verdade, muito mais – sua fortuna está estimada em 150 milhões de dólares, assunto que ela nunca comenta. 

Gisele é a expressão máxima da vocação para o que faz. Ela é um gênio na passarela e na frente das câmeras. E uma palavra a define bem: autocontrole.”
Bob Wolfenson, fotógrafo que trabalhou com Gisele diversas vezes, desde que a modelo tinha 14 anos