Clique e assine com até 75% de desconto

Tatá Werneck explica por que sua filha Clara precisou nascer de cesárea

A humorista revelou o motivo para uma seguidora em seu Instagram.

Por Fernando Gomes Atualizado em 15 jan 2020, 08h05 - Publicado em 27 out 2019, 13h34

Neste domingo (27), Tatá Werneck publicou uma foto em que Rafa Vitti dormia com a filha Clara Mariaprotagonizando o momento pai e filha mais fofo de todos.

E nos comentários, além dos internautas e famosos mencionarem a fofura dos dois, uma seguidora surgiu com uma pergunta acerca do tipo de parto que a Tatá fez.

View this post on Instagram

Rafa e Clarex dormindo enquanto eu cuidadosamente troco minha fralda pôs parto

A post shared by Tata Werneck (@tatawerneck) on

Continua após a publicidade

A usuária escreveu: “Desculpe a pergunta mais (sic) o parto foi normal ou cesária?”. Como uma outra publicação em seu Instagram sugeria, Clara Maria nasceu de cesariana e Tatá explicou o motivo. “Cesariana 🙂 fiquei com Diabetes gestacional e tive uns negócios aqui e tivemos que marcar :)”, falou a humorista.

Instagram Tatá Werneck
@tatawerneck/Instagram/Reprodução

O diabetes gestacional, citada por Tatá, se trata de um aumento do nível de glicose no sangue devido ao mau funcionamento do pâncreas na produção de insulina. Durante a gravidez, a mulher passa por mudanças hormonais e a placenta é a fonte principal desses hormônios que diminuem a proteína.

Dado esse cenário, o bebê fica vulnerável e pode desenvolver doenças como a macrossomia fetal (crescimento excessivo do feto), que pode ocasionar partos traumáticos e deixar sequelas na vida adulta do indivíduo. Conforme diz a Sociedade Brasileira de Diabetes, essa condição pode acontecer com qualquer mulher e “não é comum a presença de sintomas”.

Felizmente, a bebê Clarinha nasceu com boa saúde e cheia de vida ❤.

Continua após a publicidade
Publicidade