CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 12,90/MÊS

Novela Paraíso: Morte de Aurora será investigada

Revelações sobre o trágico acidente vão surpreender a todos na cidade

Por Redação M de Mulher Atualizado em 21 jan 2020, 06h22 - Publicado em 8 set 2009, 21h00

A morte de Aurora pode ter sido 
um crime político
Foto: Renato Rocha Miranda/ Rede Globo

O trágico acidente que resultou na suposta morte de Aurora (Bia Seidl) pode, na verdade, ser um crime político. Há muitos enigmas em torno do desastre e eles estão prestes a serem revelados. Isso porque Alfredo Modesto (Genézio de Barros), que dirigia o carro da prefeitura no momento em que ele caiu no rio, vai surpreender a todos quando sua voz começar a ser ouvida na rádio da cidade. Muitos correm para lá pensando que o fantasma do jornalista apareceu. Nisso, Modesto, cujo corpo nunca foi encontrado, conta que sobreviveu, mas não conseguiu salvar a vida da candidata a prefeita. 

O jornalista será um dos suspeitos do crime, assim como o próprio prefeito, Norberto (Leopoldo Pacheco), que não consegue provar onde estava no momento da fatalidade. Só que o corpo de Aurora também não é achado. Será que ela morreu mesmo?

Publicidade