Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

”Não administro bem isso de ficar solteiro”, revela Sidney Sampaio

Ator diz não gostar de ficar solteiro

Por Redação M de Mulher Atualizado em 16 jan 2020, 00h08 - Publicado em 13 Maio 2013, 21h00

Na quadra de basquete da Lagoa Rodrigo de Freitas, Sidney lembra da vida de atleta
Foto: Rafael Campos

Quando pega em uma bola de basquete, Sidney Sampaio, 33 anos, volta à infância. Afinal, antes mesmo de pensar em seguir carreira de modelo e ator, ele tinha o sonho de ser jogador profissional. Apesar de ter potencial – chegou a ser da seleção do estado de Mato Grosso do Sul nas categorias de base e disputou inúmeros campeonatos -, as seguidas lesões no joelho não permitiram que ele seguisse em frente.

A reviravolta em sua vida veio aos 17 anos, quando estava prestes a se profissionalizar no esporte. Ele largou as quadras, começou a modelar e virou ator de Malhação (Globo), em 2002. “Eu estava jogando basquete, tinha a opção de tentar a carreira de atleta, mas fui chamado para ser modelo em São Paulo. Tomei a decisão baseado nas minhas condições físicas. Por causa dos problemas no joelho, me sentia limitado. E eu nunca tinha feito nada como modelo. Estava vendo um concurso na minha cidade, assisti à etapa, não participei e nem imaginava que tinha potencial. Eles me viram e fizeram o convite”, conta Sidney Sampaio, o Tenente Ciro de Salve Jorge (Globo).

Depois de se separar da produtora Juliana Gama, Sidney Sampaio, não conseguiu ficar nem um ano solteiro. Ele logo engatilhou um namoro de um ano e dois meses com a artista plástica Brenda Valansi, 34. No momento, está sozinho, mas, baseado em seu histórico, sabe que não deve demorar até encontrar alguém. “Sou uma pessoa que namora. Descobri isso, é um fato! Eu acho bacana estar sozinho, ter tempo para você e tudo o mais, mas não administro bem isso de ficar solteiro”, diverte-se ele. “Eu acabo cometendo alguns excessos. Gosto de rotina, ter um norte, alguém para me ligar, saber que horas vou chegar em casa”, admite Sidney.

Leia reportagem completa na edição 1965 em CONTIGO! nas bancas nesta quarta-feira (15)

 

''Não administro bem isso de ficar solteiro'', revela Sidney Sampaio

Com a camisa da seleção de Mato Grosso, o ator não vê a hora de bater uma bola com o filho, Léo
Foto: Rafael Campos

Continua após a publicidade
Publicidade