“Já me pediram para refazer a audição de minissaia e salto alto”, diz vencedora do Oscar

Brie Larson, vencedora do prêmio de Melhor Atriz, expõe o lado sexista de Hollywood

A vencedora do Oscar de Melhor Atriz por seu papel em O Quarto de Jack, Brie Larson, fez uma declaração assustadora. Aos 26 anos, ela aproveitou a coletiva após a premiação para expor o assédio na indústria do cinema. “Muitas vezes fui a audições e ouvi: ‘Foi ótimo, mas gostaríamos que você retornasse de minissaia e sapatos de salto alto’”, contou. Ela continuou dizendo que esses foram momentos de encruzilhada em sua carreira, porque iam contra seus princípios, mas também poderiam ser definitivos na conquista de papeis bacanas. “Não teria outro motivo para eu aparecer assim a não ser que fosse para os diretores criarem fantasias minhas. E eu não me sentiria sexy, mas desconfortável”, relata. Brie chegou a ceder uma vez, mas o resultado não compensou: “Fiquei me sentindo muito mal, então tive que aprender a ser forte e confiante, mostrar para as pessoas a minha visão, o que eu podia entregar”. Para ela, o essencial é representar mulheres conhecidas, reais, que ela compreende e que são complexas. “Isso virou minha missão”, concluiu Brie.