CLIQUE E ASSINE A PARTIR R$ 6,90/MÊS

Emma Watson rebate críticas à foto com os seios quase à mostra

"Feminismo é sobre igualdade. O que meus seios têm a ver com isso?", questionou a atriz

Por Tatiana Schibuola Atualizado em 5 mar 2017, 19h33 - Publicado em 5 mar 2017, 19h23

Estrela da capa de março da revista americana Vanity Fair, a atriz britânica Emma Watson, 26 anos, viu-se vítimas de ataques por causa de uma foto publicada no interior da revista, em que aparece com os seios levemente à mostra, cobertos por um belíssimo bolero branco vazado – ela teria sido acusada de contribuir para a objetificação da mulher. A imagem faz parte de um belíssimo ensaio, assinado por Tim Walker, fotógrafo de moda conhecido pela atmosfera surrealista de seus cliques:

View this post on Instagram

Maturing from Hermione to Belle in @beautyandthebeast is a true coming-of-age story for @EmmaWatson: "I couldn't care less if I won an Oscar or not if the movie didn’t say something that I felt was important for people to hear." Read the full cover story at the link in bio. Photograph by Tim Walker.

A post shared by Vanity Fair (@vanityfair) on

Durante uma das entrevistas para promover seu último filme, A Bela e a Fera, que estreia neste mês de março, ela falou sobre o assunto:

“Isso só revela para mim quantos equívocos e mal-entendidos existem acerca do feminismo. Feminismo é sobre dar às mulheres opções. Feminismo não é um bastão para bater em outras mulheres. É sobre liberdade, sobre liberação, sobre igualdade. Eu realmente não sei o que meus seios têm a ver com isso. (…) Estou confusa. Muitas pessoas estão confusas”, desabafou.

Emma, conhecida por seu ativismo à frente da ONU Mulheres, e embaixadora da campanha mundial #HeForShe, também falou à CLAUDIA deste mês. “Quando há igualdade, as mulheres se sentem empodaradas e os homens, livres de estereótipos”, disse à editora Isabella D’Ercole. Veja mais nas bancas!

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade