Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Do rústico ao moderno: A inspiração para transformar o rack veio de um táxi

Foi preciso paciência, mas a transformação ficou linda!

Por Minha Casa Digital - Atualizado em 19 fev 2020, 14h54 - Publicado em 13 mar 2015, 10h39

O visual do rack doado pela cunhada não combinava com o apê da funcionária pública Cristine Nunes, de Niterói, RJ. Formada em design de interiores, ela decidiu renovar o móvel (1,30 x 0,40 x 0,52 m*), buscando inspiração na foto de um táxi nova-iorquino amarelo em meio à cidade cinza para escolher as cores. Só quem parece imune ao charme da peça reformada é o gato da raça maine coon, xodó de Cris e de seu namorado. “Acredita que Tiquinho nem ligou? Mas bichanos são assim mesmo”, resigna-se.

Alguns macetes – e muita paciência

❚ Com a folha nº 100 e, em seguida, nº 220, Cristine lixou todo o móvel.

❚ A aplicação do esmalte à base de água foi feita com rolinho. “Não pressione muito para não deixar marcas de espuma”, ensina ela, que usou um pincel com cerdas macias nos cantos mais difíceis. As laterais das gavetas não receberam tinta, a fim de evitar o atrito ao fechá-las. Foram três demãos, com intervalos para secagem de quatro horas entre as duas primeiras e de cinco horas antes da última.

❚ Para o acabamento, Cris aguardou dois dias e, então, passou verniz em spray. Outras 48 horas depois, aplicou uma fina camada de cera em pasta, polindo com uma flanela ao final do processo.

Continua após a publicidade

❚ A frente das gavetas foi substituída por chapas de MDF customizadas com um padrão de triângulos. Primeiro, a moça fez o rascunho em um papel. Depois, copiou o desenho para o MDF e pintou em seguida com duas demãos de tinta acrílica para artesanato – foram usadas as cores branco, preto e uma mistura das duas para o cinza. Depois de tudo seco, a finalização foi feita com verniz em spray. “É essencial respeitar os intervalos informados pelos fabricantes”, observa. Para arrematar, o rack ganhou puxadores de alumínio.

Antes:

 

Depois:

Continua após a publicidade
Publicidade