Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Como dizer ‘não’ ao chefe sem queimar seu filme

Aprenda a negociar com o superior para evitar sobrecargas desnecessárias de trabalho e ainda ganhe a confiança dele

Por Redação M de Mulher Atualizado em 20 jan 2020, 11h44 - Publicado em 6 fev 2011, 21h00
Como dizer 'não' ao chefe sem queimar seu filme

Combinar prazos e negociar horas de trabalho são essenciais para ser feliz no lado profissional
Foto: Getty Images

O chefe pediu algo cinco minutos antes de terminar o seu expediente. Você sabe que não conseguirá cumprir a tarefa tão rapidamente e perderá um compromisso. Mas como falar ‘não’? Ainda que a saia seja justa, há solução – e você nem precisará dar nenhuma negativa. ”Basta negociar, definindo se é algo importante ou urgente”, diz o coach (consultor de carreira) e headhunter Augusto Dias Carneiro. Quer entender melhor? Veja abaixo.

 

Como se sair bem em 4 situações difíceis

1. Ele pede algo no fim do dia e você tem compromisso
Defina com o chefe: a tarefa é urgente ou importante? Se for urgente, conforme-se e faça-a. Se não, diga que tem um compromisso inadiável e proponha realizar o trabalho logo no primeiro horário do dia seguinte – se preciso, chegando mais cedo. E nem pense em não cumprir o combinado!

2. Ele quer algo num prazo humanamente impossível
Argumente com clareza e precisão. ”Explique que precisa de um tempo mais razoável. Caso contrário, o resultado pode ficar abaixo do esperado”, sugere Carneiro. Se o chefe insistir, negocie a ajuda de outro colega para desempenhar a tarefa com qualidade e resultados para a firma.

Continua após a publicidade

3. Ele quer que você trabalhe no sábado e domingo
Seu expediente é de 2a a 6a, mas o chefe pediu, em caráter de exceção, para você ir no final de semana. Duas saídas: pergunte quanto tempo levará para desenvolver a atividade e combine um horário mais flexível. Ou trabalhe um pouco mais todos os dias e livre o fim de semana. Só não vale se negar a ir!

4. O que ele solicitou é eticamente incorreto
”O chefe pode não se dar conta da gravidade do que pediu. Para se certificar, pergunte: ‘Por que deseja que eu faça isso?’. Aí, ou ele percebe e volta atrás ou você confirma que foi mesmo antiético”, ensina Carneiro. ”Quebrar valores é atentar contra si próprio”, diz o consultor Anderson Cavalcante.
 

O importante é saber negociar

”Hoje, todos valorizam a qualidade de vida. Faz sentido, então, negociar para garanti-la”’, salienta Carneiro. Mas atenção: ao argumentar, é fundamental deixar claro que não se trata de ”corpo mole” da sua parte, mas, sim, impedimentos pessoais ou até mesmo profissionais. E avalie as situações com imparcialidade, pois, às vezes, o mais produtivo será você ceder.
 

Dicas para evitar situações desgastantes com o chefe

”Eduque” seu chefe
Se ele for desorganizado, do tipo que irrita a equipe por pedir coisas na véspera, não abra mão de combinar prazos reais – sempre! E, ao fazê-lo, deixe claro que, muitas vezes, antecedência é fundamental para trazer bons resultados.

Antecipe-se aos imprevistos
”Jamais ocupe 100% do seu dia. Programe 70% dele. Assim, terá tempo para imprevistos”, orienta Christian Barbosa, especialista em gestão do tempo. Incrível: funciona!

Aproveite o banco de horas
Se a empresa tiver esse sistema, você pode, com delicadeza, justificar as horas trabalhadas e até tirar uma folga quando mentalmente sobrecarregada.

Continua após a publicidade
Publicidade