Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Sofia Menegon Sofia Menegon é feminista, idealizadora da podcast Louva a Deusa e consultora em relacionamento e sexualidade

5 maneiras de fazer sexo no inverno sem precisar tirar a roupa

"Te convido a desconstruir a ideia de que sexo é sinônimo de penetração e encontro de genitálias", propõe a colunista Sofia Menegon. Topa?

Por Sofia Menegon Atualizado em 30 jun 2021, 16h43 - Publicado em 30 jun 2021, 16h40

O frio que acomete parte do nosso país nessa época do ano pode sim inibir atividades mais íntimas. Ainda que a libido esteja em dia, o clima gelado pede cobertas e muita roupa.

Mas, não se preocupe, porque existem muitas outras maneiras de satisfazer o desejo sexual sem que seja preciso passar frio. Para isso, te convido a desconstruir a ideia de que sexo é sinônimo de penetração e encontro de genitálias.

Também é importante compreender que preliminar é tudo que leva até o momento de intimidade e não durante, combinado? Então, vamos conhecer 5 formas de fazer sexo sem precisar tirar a roupa toda?

Autoestimulação a dois!

Trocas de beijos, carícias e frases picantes podem acompanhar a autoestimulação. Você no seu corpinho e a sua parceria no dela. Toys, como vibradores e masturbadores, também são muito bem-vindos e podem ser colocados por dentro da roupa íntima.

O famoso esfrega-esfrega

Quem disse que o corpo precisa estar nu para ter sensações incríveis? Aproveite esse friozinho para experimentar o seu corpo em atrito com o da sua parceria.

Mãos para que te quero!

Aproveite-se das mãos naquilo e aquilo nas mãos. Estimule a sua parceria e permita-se ser estimulada. Não precisa ficar de fora das cobertas e nem tirar a roupa para isso.

O 69 está diferente

A icônica posição sexual pode ser super explorada na versão com roupas. Basta vestir algo com uma abertura frontal. Já testou?

X-tudo

Por que escolher uma técnica só quando se pode misturar todas? Se joga! Quando o assunto é prazer, só há uma regra: respeito.

Viu só? Quando a gente consegue se desvencilhar de conceitos tão rígidos sobre o sexo, podemos desbravar todo um universo de possibilidades. No friozinho ou no friozão: viva o nosso prazer!

  • Continua após a publicidade
    Publicidade