Guia para você aprender a se masturbar

Aproveite essas 6 dicas para se descobrir e descobrir seus pontos de prazer

Muito além de uma prática sexual, se masturbar é uma técnica de autoconhecimento. Quando você se toca, você começa a se descobrir, a identificar seus pontos de prazer e os estímulos que te fazem bem.

Entretanto, a gente sabe que muitas de vocês nunca conseguiram de fato se masturbar e não há vergonha nisso. Fomos criadas com a ideia de que se tocar era algo feio, sujo, crescemos ouvindo das pessoas frases como “tira a mão daí”, enquanto que nos homens sempre foi algo estimulado. É por isso que hoje eu trouxe algumas dicas para você começar neste processo. Mas lembre-se, não é uma competição para chegar ao orgasmo apenas, é se conhecer, então não tenha pressa. Vá aos pouquinhos, dia após dia.

Se desconecte do mundo

Não fique pensando se alguém pode estar ouvindo, no trabalho que têm para entregar para o chefe, na comida dos filhos ou se está fazendo certo ou errado. Esqueça tudo e se dê um momento de prazer! Para isso, procure um ambiente confortável no qual você sabe que não será incomodada e se sinta bem, protegida.

Sem pressa

A excitação vem aos poucos, e é por isso que você tem que ir com calma. Nada de movimentos bruscos no começo, pois isso pode te machucar, já que você não estará lubrificada ainda. Vá aumentando a velocidade conforme seu corpo for pedindo.

Fantasias

A mulher chega ao orgasmo não somente pela parte física, mas muito pelo seu psicológico. Estimule sua mente. Lembre-se de momentos bons ou fantasie os seus próprios, crie histórias na sua cabeça…

Lubrificantes ajudam

Algumas mulheres têm dificuldade em ficar lubrificadas, por diversos fatores. Nestes casos, os lubrificantes fazem o papel da lubrificação natural e auxiliam na hora da mulher se masturbar, seja com as mãos ou com os toys.

Não é só o clitóris que existe

Massagear outras partes do corpo também ajuda a gente a entrar no clima. Descubra seus seios, busto, pescoço… identifique novas erógenas.

Cuidado com a pressão

Nada de movimentos com muita força no clitóris, ele não é estimulado pela força, mas sim com a repetição do movimento. Imagine que você tem que fazer movimentos circulares em uma bolinha de algodão sem amassá-la.

Leia mais: 5 dicas para transar no chuveiro

PODCAST – Como consumir menos, de forma consciente e inteligente