Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Denise Steiner Por DERMATOLOGIA A médica Denise Steiner é dermatologista, ex-presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia e doutora pela Unicamp

Saiba como garantir naturalidade no resultado da harmonização facial

A dermatologista Denise Steiner desvenda o caminho para fazer o procedimento com segurança e respeito às suas particularidades

Por Denise Steiner Atualizado em 13 Maio 2021, 13h20 - Publicado em 13 Maio 2021, 13h30

A harmonização facial, que também pode ser chamado de volumização, MD Codes e reestruturação, é o nome dado para o procedimento de preenchimento em que são injetados produtos biocompatíveis no rosto.

O procedimento deve ser individualizado, pois cada pessoa tem a sua própria beleza e equilíbrio, e em qualquer idade, mas sempre respeitando os limites de saúde e do bom senso. Afinal, a harmonização facial não pressupõe mudar a idade ou as feições da pessoa.

Para realizar o procedimento, o especialista tem que conhecer a anatomia facial de forma completa e profunda. Além disso, é essencial entender o perfil reológico do produto a ser utilizado.

O procedimento deve ser feito em ambiente adequado, com assepsia perfeita, usando agulhas ou cânulas, conforme o local aplicado e também experiência do especialista injetor.

Áreas transformadas

Cada área da face, como olheiras, lábios, bochechas, testa, merece um produto diferente e que tenha compatibilidade com a espessura e movimentação do local.

O procedimento é iniciado com uma avaliação detalhada do rosto, incluindo idade, assimetrias, formato facial, movimentação muscular, quantidade de gordura, entre outros pontos.

Em relação à aplicação, primeiro é feita a reestruturação, levantando as laterais com vetores especiais. A olheira pode ser preenchida quando for muito profunda. Os lábios podem ser definidos ou volumizados conforme o desejo de cada paciente.

Continua após a publicidade

Se a fronte estiver com aspecto muito esqueletizado, um preenchimento superficial pode deixar o contorno mais côncavo e suave.

Assim como as sobrancelhas ganham desenhos mais elevados e bem posicionados, os ângulos e contornos também podem ser definidos e o queixo pode ser reestruturado.

Por dentro da harmonização

Em geral são utilizados o ácido hialurônico, hidroxiapatita de cálcio, ácido polilático e também policaprolactona. Hoje também há produtos que combinam na mesma fórmula o ácido hialurônico e hidroxiapatita de cálcio.

Os preenchedores são aplicados na parte profunda, que fica abaixo do músculo junto ao osso, ou superficialmente na derme ou subderme.

A harmonização pode ser combinada com a bioestimulação para melhorar a qualidade da pele.

O preenchimento é feito de uma a três sessões, que dura cerca de 60 a 90 minutos. Hematomas suaves e também algum grau de inchaço podem aparecer, mas a rotina não é impactada.

O segredo para bons resultados é a escolha do especialista dermatologista com o qual haja entrosamento para, juntos, definirem um bom planejamento e resultados compatíveis e naturais, preservando a individualidade e beleza de cada pessoa.

Cuide-se.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade