CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR R$ 14,90/MÊS
CLAUDIA Cult Por Cultura Coluna sobre arte e cultura assinada pela redação de CLAUDIA

5 filmes com comidas deliciosas – e receitas para copiá-las

5 receitas para reproduzir em casa e se deliciar como nos filmes

Por Isabella D'Ercole Atualizado em 18 jan 2017, 17h32 - Publicado em 18 jan 2017, 17h22

Tem cenas de filmes que despertam na gente uma emoção além da felicidade ou da tristeza: fome. Quantas vezes você não saiu do cinema com vontade de experimentar a mesma comida provada pelo personagem? E depois chega em casa e procura uma receita parecida para tentar copiar?

Pois comigo acontece com frequência. E essas cenas ficam para sempre na minha cabeça. Resolvi listar aqui os pratos que mais encheram minha boca de água e, para ajudar, juntei receitas semelhantes de CLAUDIA para diminuir a gula. É a hora de se aventurar na cozinha e juntar dois prazeres, o cinema e a gastronomia.

Um Sonho de Amor

O pôster do filme com Tilda Swinton ao centro, de vermelho
O pôster do filme com Tilda Swinton ao centro, de vermelho

Tilda Swinton é Emma Recchi, russa casada e mãe de três filhos que vive em meio ao luxo em Milão. Apesar de tanta extravagância, falta paixão à vida de Emma, que vê seus dias se esvaziarem de atividades aos poucos. Entretanto, um dia, Edoardo, seu filho, lhe apresenta um talentoso chef, Antonio, com quem planeja abrir um restaurante.

Sem spoilers, mas Emma se vê em meio a duas paixões, uma física, pelo amigo de seu filho, e outra pelas criações maravilhosas dele na cozinha. Em uma das cenas, ela vai até o restaurante onde Antonio cozinha e a cena de Emma comendo é um primor do cinema.

Além de encher os olhos, mexe com os sentidos e tem uma sensualidade pouco esperada de frutos do mar. Dá uma olhada na foto! Já fizemos esse bem parecido em CLAUDIA que é imperdível!

O sabor do camarão pula da tela
O sabor do camarão pula da tela

 

Julie & Julia

Julie e o marido experimentando uma das delícias de Julia Child
Julie e o marido experimentando uma das delícias de Julia Child

Esse é um clássico para quem gosta de filmes com culinária. Julie é uma americana com quase 30 anos e frustrada com sua vida. Sem nenhum projeto, seus dias parecem sem significado. Ela decide, então, embarcar em uma aventura sem sair de casa.

Compra o livro de Julia Child, famosa culinarista americana e apresentadora de um programa de TV, Mastering the Art of French Cooking ou Dominando a arte da cozinha francesa (em tradução livre). Em um ano, reproduz as 524 receitas do livro e descreve a experiência em um blog.

Um dos pratos mais simbólicos é o último e mais difícil: pato desossado assado em massa folhada. Como é incrivelmente difícil e exige um trabalho manual habilidoso para desossar o pato, sugiro testar o bife Wellington, que se popularizou em 2015 depois de ser exigido em uma prova do Masterchef Brasil.

Amy Adams como Julie toda feliz depois de cumprir sua meta
Amy Adams como Julie toda feliz depois de cumprir sua meta

 

Chef

A família do chef no foodtruck que resgata sabores e também harmonia familiar (Foto GONZALO/Bauer-Griffin/GC Images)
A família do chef no foodtruck que resgata sabores e também harmonia familiar (Foto GONZALO/Bauer-Griffin/GC Images)

Jon Favreau é um chef de cozinha num renomado restaurante, mas depois de uma briga com um crítico e desentendimentos com o dono do lugar, acaba sendo demitido. Para se reerguer, funda um foodtruck com comida simples mas saborosa, com influência cubana.

Continua após a publicidade

No caminho, resgata valores de família e salva relações estremecidas, como com a ex-mulher e com o filho pequeno. Um dos destaques é o sanduíche cubano, que leva pernil e queijo numa ciabatta na chapa.

Aquela camadinha crocante que se forma no pão faz qualquer um sair correndo para a padaria mais próxima, mas dá para replicar o sanduíche em casa, como nessa receita do foodtruck paulista Buzina.

Imagina esse queijo todo derretido na chapa?
Imagina esse queijo todo derretido na chapa?

 

Jiro Dreams of Sushi

Jiro, o senhorzinho experiente que quer manter a qualidade do seu negócio mesmo após passá-lo aos filhos
Jiro, o senhorzinho experiente que quer manter a qualidade do seu negócio mesmo após passá-lo aos filhos

Assisti esse documentário há muitos anos, mas lembro de ter ido direto para o restaurante japonês depois. A história é de Jiro Ono, um sushiman de 85 tradicionalíssimo no Japão.

Com a idade, ele precisa preparar os filhos para assumir o Sukiyabashi Jiro, restaurante pequeno, exclusivo e bem caro.

Só que fazer sushi é uma arte das mais nobres e detalhistas. Jiro exige a busca do sushi perfeito em cada passada da lâmina da faca no peixe, em cada ornamento ou detalhe. O resultado são pratos maravilhosos e que exigem alguns equipamentos específicos para reproduzir em casa, mas aposto que vale a pena.

Um niguiri especial!
Um niguiri especial!

 

Matilda

Matilda
Matilda experimentando uma das delícias do filme

O filme é conhecido: a garotinha com poderes especiais que se destaca na escola e nada tem a ver com seus pais.

Ela ajuda os colegas a se libertar da terrível diretora, a Trunchbull. Em uma das cenas, essa mulher horrível obriga um aluno a comer um bolo de chocolate enorme inteiro sozinho porque suspeita que ele tenha roubado uma fatia.

O bolo era só dela e ela não dividia. Enfim, com o coro dos colegas incentivando, Bruce consegue comer esse bolo todo. Apesar da cena ser meio escura, aquele ganache de chocolate e o recheio maravilhoso fazem você perder um pouco da trama e se apesar somente a essa maravilha culinária. Ainda bem que bolo de chocolate é fácil de fazer e difícil de ficar ruim.

O maravilhoso bolo com muito recheio e calda
O maravilhoso bolo com muito recheio e calda

 

Continua após a publicidade
Publicidade