7 dicas para negociar um aumento de salário

Uma delas é não falar que você está precisando de mais dinheiro

Negociar o salário não é fácil para ninguém, mas é especialmente difícil para as mulheres. O preconceito contra mulheres no mercado de trabalho é real, e toda mulher que é percebida como ambiciosa, arrogante ou “pidona” acaba sendo prejudicada.

O pior é que nós precisamos – e merecemos – este aumento. Segundo estudo recente do Instituto Locomotiva, as mulheres brancas recebem em média apenas 74% do salário dos homens brancos no Brasil. As negras, 44%.

Mas como fazer isso sem ser percebida como ambiciosa demais?

Para ajudar você a navegar esse quebra-cabeças corporativo, separei algumas dicas:

1. Não espere ser reconhecida

Não existe aquela coisa de que basta fazer um bom trabalho. Se você espera que os seus resultados falem por você, pode acabar tendo que esperar sentada. Não tem jeito: para crescer profissionalmente, você precisa saber fazer um bom marketing pessoal e dar um jeito de garantir que os seus chefes e colegas saibam dos bons resultados que você vem trazendo. Uma maneira de fazer isso sem ser vista como “exibida” é enviar um e-mail contando do bom resultado que a sua equipe vem fazendo. Desta forma, você não está se exibindo – está sendo uma boa jogadora do time. E, de quebra, todos conseguem ver o seu trabalho.

2. Pesquise antes de pedir

Para ajudar você a fundamentar bem o seu pedido de aumento, pesquise o salário médio da sua função e veja se tem intimidade com algum colega (de preferência um homem) para ele lhe abrir quanto ganha. Se não conseguir, não tem problema – existem sites na internet que publicam este tipo de informação. Fique de olho nas atribuições do cargo, para garantir que você não anda fazendo o trabalho de dois, ou mesmo o do seu chefe, sem ser remunerada por isso.

3. Justifique o seu pedido

E não adianta falar que você precisa da grana – afinal, esta não é a preocupação do seu chefe. Mostre como o seu salário está defasado com relação aos seus colegas e ao mercado. Leve também um compilado dos bons resultados que você trouxe, as economias que gerou ao departamento (gestores amam isso!) e das metas que bateu. Desse jeito, fica muito mais difícil você receber um não.

4. Mais “nós”, menos “eu”

Existe um truque para você não correr o risco de ser vista como ‘ambiciosa demais’: pedir em nome da sua equipe, e não só no seu. Mostre como um aumento vai ser uma boa oportunidade de “mostrar liderança para a equipe”, por exemplo. Na hora de fazer o pedido de aumento, fale sempre em nome da equipe. As mulheres são tradicionalmente vistas como cuidadoras e comunais – então use isso a seu favor!

5. Peça mais responsabilidades e leve ideias

Não adianta só pedir. Mostre ao seu chefe tudo o que você pode oferecer! Peça novas responsabilidades, mostre ideias de como você pode aumentar o desempenho do seu departamento, leve sugestões de novos produtos ou serviços. Dessa forma, você mostra que te dar um aumento é investir em você e na própria empresa.

6. Marque uma hora com o seu chefe – e ensaie antes

Seja estratégica nesta hora. Se o seu chefe costuma voltar de bom humor do almoço, use esse conhecimento a seu favor e mande um email pedindo para marcar uma conversa. Não vá pedir o aumento sem agendar a conversa antes ou bem na hora em que ele estiver todo estressado. Assim você tem tempo, inclusive, para se preparar e ensaiar. Amarre o seu discurso direitinho – assim você não fica tão nervosa na hora.

7. Não aceite nenhuma proposta na hora

A não ser que o seu chefe dê a você tudo o que pediu, peça um tempo para refletir antes de aceitar a proposta dele. Na hora, muita gente fica tão tensa que acaba aceitando sem pensar nada – e sem ver que pode haver uma chance de fazer uma contraproposta. O aumento não foi do tamanho que você pediu? Você pode tentar negociar um horário mais flexível, outros benefícios, ou mesmo um bônus no fim do ano. De cabeça fria, você vai conseguir avaliar a proposta com calma e ter novas ideias sobre como transformar aquele limão em uma bela caipirinha.

Leia também: Como mudar o seu comportamento com dinheiro

Siga CLAUDIA no Instagram

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s